PUBLICIDADE
Logo do

Atlético-MG

Meu time

Atlético-MG não terá torcida contra Flu pela Copa do Brasil

Clube emitiu nota para explicar os motivos para atuar sem a presença de público em jogo, mesmo com liberação da prefeitura de Belo Horizonte

14 set 2021 20h22
| atualizado às 22h23
ver comentários
Publicidade

O Atlético-MG emitiu um comunicado explicando os motivos de não ter torcida no seu jogo contra o Fluminense, nesta quarta-feira, às 19h, no Mineirão, pelo confronto de volta das quartas de final da Copa do Brasil.

Mineirão não terá público em Atlético-MG x Flu; clube mineiro disse que respeitará o princípio de isonomia acordado entre os clubes da Série A (Bruno Haddad/Cruzeiro)
Mineirão não terá público em Atlético-MG x Flu; clube mineiro disse que respeitará o princípio de isonomia acordado entre os clubes da Série A (Bruno Haddad/Cruzeiro)
Foto: Lance!

O clube possui uma liminar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) que o autoriza a receber o seu torcedor no estádio, além da liberação da prefeitura de Belo Horizonte para que haja público nos jogos, mas decidiu não usar o direito adquirido. No caso, a direção atleticana se solidariza com os outros clubes da competição e da Série A do Brasileiro, indo contra uma ideia fixa do Flamengo em atuar com o seu torcedor no duelo contra o Grêmio, também graças a uma liminar obtida na corte esportiva.

Em sua nota oficial, o Atlético falou em respeito aos clubes, em "fair play" esportivo e cumprimento de acordo feito com os outros times do Campeonato Brasileiro. As equipes da primeira divisão nacional firmaram um compromisso para que os jogos com público do Brasileirão só voltassem em outubro para todos, assim garantindo a isonomia da competição.

Na Copa do Brasil, o protocolo da CBF estabeleceu que a presença de público só seria liberada se os dois envolvidos nos confrontos tiverem a mesma condição na partida.

"O Protocolo da CBF de Recomendações para Retorno do Público aos Estádios estabelece que a presença de público em jogos pela Copa do Brasil será liberada somente se os dois clubes envolvidos no confronto tiverem essa possibilidade. O Atlético seguirá este protocolo. Por fim, o Galo reitera seu respeito ao princípio do 'fair play' esportivo, fundamental para a evolução profissional e correta do futebol brasileiro", diz a nota alvinegra.

Apesar de se posicionar publicamente para manter o que foi combinado na reunião com os outros clubes, a equipe mineira diz que, se o Flamengo abrir os portões para o torcedor, também usará esse direito em Belo Horizonte. "A decisão se baseia no fato de o Flamengo ser concorrente direto do Galo ao título da competição e, portanto, deve gozar das mesmas condições", diz outro trecho da nota atleticana.

Lance!
Publicidade
Publicidade