PUBLICIDADE
Logo do

Atlético-MG

Meu time

Após sair do banco e conduzir a virada do Galo, Nacho classifica vitória como "especial"

13 out 2021 21h41
| atualizado às 21h41
ver comentários
Publicidade

O Atlético-MG quase tomou um susto do Santos na noite desta quarta-feira. Jogando em casa, a equipe perdia por 1 a 0 até os 24 minutos do segundo tempo, quando o meio-campista Nacho Fernández, que saiu do banco, iniciou a virada.

"Foi uma partida difícil e especial. Comecei no banco, mas entrei no segundo tempo. O mais importante é que ganhamos. O mérito é da equipe que não perdeu a paciência quando estava atrás e pudemos virar", analisou o jogador em entrevista ao Sportv na saída do gramado.

O primeiro gol do Galo foi marcado por Nacho em cobrança de pênalti. No segundo, o argentino bateu falta na cabeça de Nathan Silva, que virou o jogo. Em seguida, em mais uma cobrança de pênalti, desta vez o goleiro João Paulo defendeu o chute de Nacho, que cabeceou para as redes aproveitando o rebote.

Com a vitória por 3 a 1, o Atlético-MG segue líder do Brasileirão com 56 pontos, 11 a mais que o segundo colocado Flamengo. Na próxima rodada, a equipe enfrenta o Atlético-GO, fora de casa, neste domingo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade