PUBLICIDADE

Vendedor de máquina de milk shake fez McDonald's virar ícone

Graças ao sistema de licenciamento, Ray Kroc fez de uma pequena lanchonete da Califórnia um dos símbolos da globalização

1 set 2014 09h25
| atualizado em 23/6/2015 às 16h44
ver comentários
Publicidade
O perfeccionista Ray Kroc deixou  sua marca na rede de lanchonetes Mc Donald's  ao padronizar o preparo da comida e o atendimento aos clientes
O perfeccionista Ray Kroc deixou sua marca na rede de lanchonetes Mc Donald's ao padronizar o preparo da comida e o atendimento aos clientes
Foto: Divulgação

Quando o vendedor de máquinas de milk shake Ray Kroc conheceu os irmãos Richard e Maurice McDonald, os dois começavam a se destacar no ramo de alimentação do estado da Califórnia, nos Estados Unidos. Em 1940, eles tinham aberto uma lanchonete com sistema drive-in na cidade de San Bernardino, e oito anos tinham introduzido uma nova forma de fazer sanduíches, com base em uma linha de montagem inspirada no modelo industrial de produção. Era 1954, e do encontro dos três nasceria uma das maiores empresas que a humanidade já conheceu: a rede de lanchonetes McDonald's.

Dono do Boticário transformou farmácia em negócio bilionário
Dono da rede China in Box já foi entregador de pizzas
Desempregado dá a volta por cima e vira dono de 15 franquias


Naquele momento, os irmãos McDonald estavam começando a transformar sua lanchonete em uma franquia, mas ainda de forma hesitante. Kroc viu na nascente rede de restaurantes uma grande oportunidade de negócios e os convenceu a investir pesadamente na abertura de novas franquias. Ele tinha 52 anos na época, e com a aposta em franquias abriu as portas para o crescimento meteórico do McDonald's nos anos 60 e 70.

Para criar uma grande rede de franquias, os hambúrgueres e as batatas fritas, assim como o atendimento, deveriam ser iguais em todas as lojas.  Naquela época, as pessoas estavam começando a não ter tempo para preparar sua própria comida e Kroc percebeu que o McDonald's podia ser uma opção barata e prática para quem queria uma comida rápida e honesta. Em 1955, ele abriu uma loja na cidade de Des Plaines, no estado de Illinois, que daria o pontapé inicial para a enorme expansão da rede.

Com o lema “cuide do cliente e o negócio cuidará de si mesmo”, Kroc espalhou lojas do McDonald's pelos Estados Unidos. Em 1959, já eram mais de 100 unidades em todo o país. Exigente com o controle de qualidade, a limpeza e o serviço nas lojas, ele fazia questão que até as rodelas de picles fossem iguais em todas as lanchonetes da rede.

O McDonald's revolucionou a indústria alimentícia aplicando a lógica da linha  de montagem industrial à produção de sanduíches
O McDonald's revolucionou a indústria alimentícia aplicando a lógica da linha de montagem industrial à produção de sanduíches
Foto: Divulgação

Publicidade e internacionalização
Além do rigor na padronização de produtos e serviços, Kroc investiu pesado em propaganda. Em 1963 foi criado o personagem Ronald McDonald, que se tornou a personificação da empresa. Nas décadas seguintes, milhões de dólares foram gastos para divulgar o McDonald's, primeiro nos Estados Unidos e em seguida no mundo.

Em 1965, a rede de lanchonetes abriu seu capital, lançando ações na bolsa de Nova York, e em 1967 deu início à sua expansão internacional, abrindo os primeiros restaurantes em Porto Rico e Canadá. Quatro anos depois, já havia franquias no Japão, Alemanha, Austrália, Guatemala, Holanda e Panamá. Em menos de uma década, a rede McDonald's havia se tornado uma marca conhecida no mundo inteiro.

Depois de transformar uma pequena rede de lanchonetes em um império global, Ray Kroc decidiu deixar o cargo de diretor-executivo do McDonald's em 1974, aos 72 anos. Assim, ele mostrou ao mundo que nunca é tarde para empreender, pois foi justamente no período de vida que muita gente já está planejando a aposentadoria que Kroc se revelou um dos mais visionários empresários do século 20, consagrando de uma vez por todas o modelo de franquias como um instrumento fundamental para o sucesso dos mais variados empreendimentos.

Fonte: PrimaPagina
Publicidade
Publicidade