PUBLICIDADE

Vendas de final de ano: dicas para aproveitar e se preparar para 2022

Lucrativo para micro e pequenas empresas, as vendas de final de ano exigem muita organização por parte do empreendedor.

8 dez 2021 16h33
ver comentários
Publicidade
O recebimento do 13º salário volta a aquecer a economia, o que pode ser bom para micro e pequenas empresas
O recebimento do 13º salário volta a aquecer a economia, o que pode ser bom para micro e pequenas empresas
Foto: Shutterstock / Finanças e Empreendedorismo

Após as vendas de Black Friday, os micro e pequenos empreendedores precisam se preparar agora para as vendas de final de ano. Essa é uma ótima maneira de começar 2022 com o pé direito e de retomar os negócios de um jeito diferente. 

Como o período de Black Friday acaba se unindo ao período de vendas de Natal, é necessário que a micro e pequena empresa se prepare para esse momento. Afinal, é justamente no final do ano que a economia aquece por conta do 13º salário.

Confira a seguir algumas dicas preparadas por Valdemar Eleuterio Junior, especialista e head de vendas na vhsys, empresa de soluções empresariais.

Atente-se ao fluxo de caixa!

O fluxo de caixa permite que o empreendedor possa atender seus clientes com estoque de produtos e também às demandas financeiras do seu negócio. "A pandemia mostrou que ter um fluxo de caixa saudável é vital. Por isso, para o próximo ano, é crucial que esse aspecto se torne uma das prioridades para os empreendedores. Mesmo que o período indique retomada, é importante estar preparado para adversidades e se manter forte na recuperação dos negócios", explica o especialista.

Cuide do seu estoque

O controle de entradas e saídas de produtos é fundamental para a total percepção do negócio e para o conhecimento do que está ou não dando certo.

"O controle de estoque é extremamente necessário para conseguir atender os clientes e para ter os produtos corretos. Isso porque não adianta um estoque gigantesco de produtos que não tem giro. Por isso, fazer uma análise e entender quais são os itens com mais venda e, a partir disso, se preparar para o ano novo é fundamental", diz Valdemar. 

Para os produtos acumulados e com dificuldade de saída, o executivo explica que o melhor caminho é investir nas promoções ou vendas no preço de custo no início do ano. 

Invista em novos canais de venda

Os novos canais de venda ganharam força com a pandemia, tendo em vista que o consumidor passou a comprar mais de maneira online. O que antes era "algo do futuro" passou a ser parte da vida de milhares de brasileiros em um curto período de tempo, gerando certa insegurança em alguns empreendedores.

"O ideal é que os empreendedores invistam cada vez mais em diferentes espaços - como marketplaces, WhatsApp e redes sociais. Isso amplia a facilidade de atingir e conversar com novos públicos. Diante de uma retomada de negócios, permanecer somente com o comércio físico é uma estratégia bastante arriscada". 

Utilize a tecnologia a seu favor

A peça-chave para a organização dos processos e para a retomada dos negócios é a tecnologia. Ter todas as informações do seu negócio na palma da mão, de maneira simples e integrada, é apenas um exemplo do que as ferramentas digitais podem agregar para o controle das empresas. 

"Obter um programa de gestão que reúna, de maneira automatizada, todas as principais funções do dia a dia, como fluxo de caixa, controle de estoque, geração de notas fiscais e visibilidade, em novos espaços, é de extrema importância. Isso ajuda o empreendedor a ter uma visão completa do seu negócio e a elaborar o melhor planejamento. Além disso, as ferramentas ajudam no ganho de tempo, de precisão e a evitar a geração de custos desnecessários, já que auxiliam na redução de erros em cada processo", conclui o especialista. 

Utilizando as quatro dicas apontadas, já é possível obter resultados nas vendas de final do ano e já garante um bom retorno financeiro para o seu negócio em 2022.

Finanças e Empreendedorismo
Publicidade
Publicidade