0

‘Rede social do conhecimento’ aproxima professores e alunos

Empreendedores lucram com ferramenta que coloca em contato quem quer aprender e quem tem algo a ensinar em diferentes áreas

19 mai 2014
08h00
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
No Darueira.com é possível participar de aulas, palestras ou simplesmente postar suas dúvidas para que sejam respondidas por outros internautas
No Darueira.com é possível participar de aulas, palestras ou simplesmente postar suas dúvidas para que sejam respondidas por outros internautas
Foto: Shuttertock

Redes sociais como o Facebook podem ser úteis de inúmeras formas, seja para reencontrar velhos conhecidos, fazer novas amizades ou até mesmo contatos profissionais. Mas o Darueira.com traz uma nova funcionalidade: a possibilidade de compartilhar conhecimentos.

O site funciona da seguinte maneira: ao se cadastrar, as pessoas informam suas áreas de interesse e os conhecimentos que possuem. Assim, aqueles com interesses semelhantes passam a integrar o mesmo grupo, e recebem ofertas de quem está disposto a ensinar naquela área. São três as possibilidades de interação: aulas, palestras ou perguntas e respostas. Quando os eventos são gratuitos, nenhuma taxa é cobrada. Já quando são pagos, quem oferece o serviço repassa de 5% a 10% para os administradores da rede.

“Caso professor e aluno cheguem a um acordo por uma aula, ambos recebem um link que será ativado no horário combinado e por meio dele será possível estabelecer contato em vídeo. O mesmo funciona para as palestras. Os interessados em assistir pagam e recebem um link que dá acesso ao evento no horário indicado”, afirma Alexandre Morais, um dos idealizadores do site. Ele acrescenta que, por meio da ferramenta, os alunos também podem acessar a agenda de seus potenciais professores, verificando os horários e dias da semana em que eles estão disponíveis.

Além disso, ainda existe a possibilidade de postar perguntas para aqueles que fazem parte do seu grupo. Assim, aqueles que fornecem mais respostas acabam ganhando uma boa reputação para dar aulas, e ao mesmo tempo, é possível observar tendências de temas que geram dúvidas com mais frequência, e montar cursos focados neles.

“Venho do mercado financeiro, onde é comum usarmos ferramentas de interação pela internet por meio das quais fazemos cursos e participamos de palestras. Assim, me juntei a dois colegas, Fabiano Oliveira e Márcio Barreto, e começamos a pensar em uma forma de usar isso fora do mundo corporativo”, explica Morais. O crescimento do setor de ensino à distância no Brasil levou os três a direcionar sua ideia para esta área.

O Darueira.com está no ar há cinco meses e já conta com mais de cinco mil adesões. “Estas plataformas de comunicação à distância são caras para uso individual, mas quando nós oferecemos para uma grande quantidade de pessoas, os custos ficam acessíveis. Assim, criamos esta rede social voltada para o conhecimento, que funciona como um grande ponto de encontro”, finaliza Morais.

Veja também:

Eldorado Expresso: Fome no Brasil
Fonte: PrimaPagina
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade