0

Faturamento cresce nas micro e pequenas empresas paulistas

Alta é de 11% em comparação ao início de 2013, segundo pesquisa do Sebrae-SP

29 abr 2014
08h00
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
O faturamento das micro e pequenas do estado de São Paulo somou R$ 97,6 bilhões no primeiro bimestre
O faturamento das micro e pequenas do estado de São Paulo somou R$ 97,6 bilhões no primeiro bimestre
Foto: Bikeriderlondon/Shutterstock

ste ano tem se mostrado positivo para as micro e pequenas empresas do estado de São Paulo. O faturamento somou R$ 97,6 bilhões no primeiro bimestre, 11% mais que nos primeiros dois meses de 2013, segundo pesquisa mensal da seção paulista do Sebrae feita em parceria com a Fundação Seade.

“Houve uma aceleração no ritmo de crescimento do faturamento em relação ao mesmo período de 2013”, observou o diretor-superintendente do Sebrae-SP, Bruno Caetano, em comunicado enviado à imprensa.

O resultado, avalia ele, deve-se a dois fatores: um conjuntural e outro mais estrutural. O fator pontual foi o fato de que fevereiro teve dois dias úteis a mais do que no ano passado – o Carnaval caiu em março. “Situações assim permitem maior movimentação para os negócios e suas vendas”, comentou.

O desempenho, porém, faz parte de uma tendência de melhoria em comparação ao início de 2013. “O consumo no mercado interno tem sustentado as vendas das micro e pequenas empresas, principalmente nos setores de comércio e serviços”, disse Caetano.

O aquecimento no primeiro bimestre refletiu-se em mais contratação: as micro e pequenas empresas paulistas estão com 256 mil empregados a mais que em janeiro e fevereiro do ano passado, embora o rendimento médio dos funcionário tenha caído 3%.

Veja também:

Porsche Taycan, o carro elétrico que é uma obra-prima
Fonte: PrimaPagina
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade