5 eventos ao vivo

Venda total de etanol sobe 20,32% na 1ª metade de agosto

24 ago 2018
13h09
  • separator
  • 0
  • comentários

Ribeirão Preto, 24 - O volume total de etanol comercializado pelas usinas do Centro-Sul nos mercados interno e externo na primeira quinzena de agosto somou 1,345 bilhão de litros, contra 1,118 bilhão de litros em igual período de 2017, avanço de 20,32%. O volume acumulado total do combustível vendido às distribuidoras e exportado chegou a 10,584 bilhões de litros em quatro meses e meio da safra 2018/2019, iniciada em 1º abril, alta de 14,42% ante os 9,250 bilhões de litros de igual período de 2017/2018.

O volume total de etanol vendido pelas usinas às distribuidoras no mercado doméstico pelas usinas do Centro-Sul atingiu 1,291 bilhão de litros na primeira quinzena de agosto e acumula 10,018 bilhões de litros na safra 2018/2019. Os volumes representam altas de 24,14% em relação ao total de 1,040 bilhão de litros vendidos em igual quinzena de agosto de 2017 e de 16,43% sobre o volume acumulado comercializado até igual período da safra 2017/2018 no mercado interno, de 8,604 bilhões de litros, informou a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica).

As vendas de etanol hidratado combustível avançaram 39,72% na quinzena inicial de agosto sobre o mesmo período de 2017, de 688,32 milhões para 961,74 milhões de litros. Com o resultado, as vendas totais de hidratado na safra têm alta de 39,49% entre os períodos, para 7,212 bilhões de litros. As vendas totais de anidro recuaram 10,79% se comparados as mesmas quinzenas de 2017 e 2018, para 382,89 milhões de litros, e caem 16,47% no acumulado da safra, para 3,372 bilhões de litros.

A exportação total de etanol foi de 53,49 milhões de litros nos primeiros quinze dias de agosto, queda de 30,98% contra os 77,49 milhões de litros enviados ao exterior em igual período do ano passado. No acumulado da safra 2018/2019, as exportações totais de etanol recuam 12,38%, para 566,55 milhões de litros, ante 646,58 milhões de litros em igual período de 2017/2018.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade