PUBLICIDADE

Vale (quase) tudo: SP libera geral restrições

No Estado de São Paulo, o governo estima que 87,63% da população adulta esteja imunizado com ao menos duas doses da vacina.

1 nov 2021 16h20
ver comentários
Publicidade
A cidade de São Paulo liberou todos os eventos desde segunda-feira (1)
A cidade de São Paulo liberou todos os eventos desde segunda-feira (1)
Foto: CDC / Unsplash

Após quase 600 dias e 70 milhões de doses de vacina contra a Covid aplicadas, São Paulo encerrou as últimas restrições para conter a disseminação da doença.

Estão autorizados shows com público em pé, volta de futebol aos estádios com 100% da capacidade e pistas de dança a partir do Plano SP de flexibiliação.

O uso de máscaras continua obrigatório, porém.

Com a flexibilização todos os estabelecimentos do Estado podem agora funcionar sem restrições de horário e público e cada município decide se segue a orientação do governo ou a própria.

A cidade de São Paulo liberou todos os eventos desde segunda-feira (1).

A quarentena começou no dia 24 de março do ano passado e no primeiro instante foi determinada com a duração de 15 dias. Passaram-se quase 40 vezes o tempo inicial determinado e a pandemia ainda não acabou.

No domingo, o mundo atingiu a marca de 5 milhões de mortos pela Covid. Esse número é equivalente à população de um país como a Nova Zelândia, por exemplo.

No Estado de São Paulo, o governo estima que 87,63% da população adulta esteja imunizado com ao menos duas doses da vacina.

Homework Homework
Publicidade
Publicidade