6 eventos ao vivo

Trump eleva tarifas e derruba lira turca

10 ago 2018
18h18
atualizado em 11/8/2018 às 12h24
  • separator
  • comentários

Tarifas de 50% e 20% sobre o aço e alumínio turco, respectivamente, fazem com que moeda da Turquia se desvalorize 20% em apenas um dia. Relações entre Ancara e Washington estão abaladas desde a prisão de americano.Os Estados Unidos aumentaram nesta sexta-feira (10/08) as tarifas sobre o aço e o alumínio da Turquia para 50% e 20%, respectivamente, impulsionando a desvalorização da lira que alcançou 20% em apenas um dia. Essa foi a maior queda da moeda desde a crise econômica enfrentada por Ancara em 2001.

EUA impõem tarifas de 50% sobre o aço e 20% sobre o alumínio da Turquia
EUA impõem tarifas de 50% sobre o aço e 20% sobre o alumínio da Turquia
Foto: DW / Deutsche Welle

"Acabo de autorizar a duplicação das tarifas sobre o aço e o alumínio da Turquia, já que sua moeda, a lira turca, se desvaloriza rapidamente frente ao nosso dólar muito forte!", afirmou o presidente americano, Donald Trump, no Twitter. "O alumínio agora será 20% e o aço 50%. Nossas relações com a Turquia não são boas neste momento!", acrescentou.

As relações entre os dois países estão abaladas desde a prisão, em 2016, do pastor americano Andrew Brunson, que organizou uma igreja protestante na cidade de Izmir. Os EUA exigiam a libertação do pastor, porém, o governo turco o acusa de terrorismo e espionagem.

Em resposta às sobretaxas, o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, afirmou que seu país não vai ceder à chantagem e bullying.

Já o ministro do Comércio turco, Ruhsar Pekcan, pediu aos americanos que retornem à mesa de negociações. "Esforços repetidos para comunicar ao governo dos Estados Unidos, que nenhum dos critérios que determinam as tarifas americanas se aplica, mostraram-se infrutíferos", destacou.

A porta-voz do Ministério do Interior da Turquia, Hami Aksoy, disse que Ancara quer resolver a questão por meio da diplomacia e destacou que sanções e pressões só prejudicam os laços entre dois aliados na Otan.

Em 2017, a Turquia exportou 1,1 bilhão de dólares em minério de ferro, aço e alumínio para os EUA, segundo o Ministério do Comércio em Ancara.

Desvalorização da lira turca

O anúncio de Trump provocou uma forte desvalorização da lira turca, provocada devido ao nervosismo dos mercados pelas sanções impostas pelos EUA e a interferência do governo da Turquia na política monetária.

A moeda desvalorizou 20% nesta sexta-feira, até chegar ao seu menor valor histórico frente às divisas de referência. Erdogan pediu novamente que os cidadãos troquem "os dólares e o ouro debaixo dos colchões" para conter a queda da lira, que já chegou a 40% neste ano.

Os especialistas atribuem a desvalorização da lira turca à fragilidade da economia do país, baseada sobretudo no consumo interno, com um alto déficit comercial e carente de investimentos estrangeiros, além da recusa das autoridades turcas de aumentar as taxas de juros. A pressão econômica americana ajudou a acelerar esse processo.

No início deste mês, o governo dos EUA anunciou a imposição de sanções econômicas contra os ministros turcos da Justiça, Abdülhamit Gül, e do Interior, Suleyman Soylu, por seu papel na detenção de Brunson.

A Procuradoria turca pede até 20 anos de prisão para Brunson ao considerar que o pastor tem laços com o Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), classificado como "organização terrorista" pelo governo Erdogan, e ainda com o religioso Fethullah Gülen. Exilado nos EUA desde 1999, o oposicionista Gülen é apontado por Erdogan como o mentor da tentativa frustrada de golpe de Estado de julho de 2016 na Turquia.

Brunson rejeita as acusações. Preso em outubro de 2016, seu julgamento já transcorre desde o segundo trimestre do ano corrente. Devido a "problemas de saúde", ele foi colocado em prisão domiciliar no dia 26 de julho, por decisão de um tribunal turco.

Agravada nos últimos dias pela situação de Brunson, as tensões entre a Turquia e os EUA, aliados na Otan, chegaram ao patamar mais alto com o anúncio do aumento dos encargos sobre o aço e alumínio turco.

CN/rtr/efe

----------------

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | WhatsApp

| App | Instagram | Newsletter

Deutsche Welle A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade