3 eventos ao vivo

Brasil pode aceitar cotas dos EUA para aço e alumínio, diz Temer

4 mai 2018
12h12
atualizado às 12h30
  • separator
  • 0
  • comentários

O presidente Michel Temer afirmou, em entrevista à emissora estatal NBR nesta sexta-feira, que há uma "tendência" de que as empresas brasileiras aceitem as cotas impostas pelos Estados Unidos para o aço e o alumínio brasileiros.

Presidente Michel Temer no Palácio do Planalto 15/03/2018 REUTERS/Ueslei Marcelino
Presidente Michel Temer no Palácio do Planalto 15/03/2018 REUTERS/Ueslei Marcelino
Foto: Reuters

"A posição das empresas é de não perder o mercado americano", disse o presidente, acrescentando que a decisão dos EUA de suspender a negociação, esta semana, e passar a aplicar sobretaxas nas importações --a menos que o Brasil aceite as cotas-- foi "pouco útil".

Temer também voltou a dizer que há uma possibilidade de o Brasil recorrer à Organização Mundial do Comércio (OMC) contra as sobretaxas impostas pelos EUA, mas manifestou a esperança de que o Brasil, com o prosseguimento das conversas, consiga negociar melhores condições.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade