0

Superávit do agronegócio em outubro cresce 5,9% para US$ 7,29 bi

16 nov 2018
21h20
  • separator
  • 0
  • comentários

São Paulo, 16 - As exportações do agronegócio brasileiro em outubro geraram uma receita de US$ 8,48 bilhões, aumento de 5,7% ante os US$ 8,02 bilhões obtidos em igual mês de 2017. Já as importações somaram US$ 1,19 bilhão, incremento de 4,6%. Com isso, o saldo comercial do setor no mês foi de US$ 7,29 bilhões (alta de 5,9%).

Os dados foram divulgados nesta sexta-feira, 16, pelo Ministério da Agricultura.

Os produtos do complexo soja representaram 30,9% das exportações; carnes, 15,9%; produtos florestais, 13,2%; complexo sucroalcooleiro, 8,3%; e cereais, farinhas e preparações, 7,6%.

A receita com as vendas externas de soja em grão, farelo e óleo totalizou US$ 2,62 bilhões, aumento de 78,8% em relação a outubro de 2017.

"A maior parcela desse valor foi gerada pelas exportações de soja em grãos, que alcançaram volume recorde para todos os meses de outubro com 5,35 milhões de toneladas (+115,1%), o que resultou em uma cifra também recorde para o mês de outubro de US$ 2,11 bilhões (+124,2%)", disse a pasta em nota.

As exportações de carnes totalizaram US$ 1,35 bilhão no período, queda de 5,0% ante o US$ 1,42 bilhão de outubro do ano anterior. "O principal item negociado no mês foi a carne bovina, com US$ 619 milhões (+3,3%) e volume recorde para os meses de outubro, de 136 mil toneladas negociadas."

A carne de frango aparece na segunda posição do setor, com vendas de US$ 568 milhões (-9,0%). As vendas de carne de frango também foram recorde, de 348,49 mil toneladas. Já as vendas de carne suína recuaram 20,5%, para US$ 106,69 milhões (-20,5%).

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade