0

Suínos/China: queda acelerada das cotações pode provocar onda de vendas

25 set 2020
11h10
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Hong Kong, 25 - Os preços dos suínos vivos continuam em queda na China e o declínio está se acelerando, alerta o analista sênior de commodities da StoneX na Ásia, Darin Friedrichs. "É provável que vejamos uma onda de vendas por "pânico" de produtores antes do feriado na próxima quinta-feira na China", avalia Friedrichs.

O analista acrescenta que os preços da carne suína na China também estão caindo. A atualização de preços ao consumidor da StoneX esta semana mostra cotações dos cortes do produto recuando para níveis não vistos desde junho.

Entre outros fatores, o país tem importado grande volume do produto, para compensar, em parte, a queda da produção interna provocada peste suína africana. Em agosto, a China importou cerca de 350 mil toneladas de carne suína, o dobro ante igual mês do ano passado, segundo o Departamento de Alfândegas da China (GAAC, na sigla em inglês). Com informações da Dow Jones Newswires.

Veja também:

Polícia investiga ação do PCC nas eleições em SP
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade