0

Preços de petróleo caem após nova rodada de tarifas dos EUA e da China

2 set 2019
11h47
  • separator
  • 0
  • comentários

Os contratos futuros do petróleo recuavam nesta segunda-feira após a entrada em vigor de novas tarifas impostas pelos Estados Unidos e China, levantando preocupações acerca de um novo impacto da guerra comercial no crescimento global e na demanda pela commodity.

REUTERS/Nick Oxford
REUTERS/Nick Oxford
Foto: Reuters

O petróleo Brent recuava 0,5 dólar, ou 0,84%, a 58,75 dólares por barril, às 11:42 (horário de Brasília). O petróleo dos Estados Unidos caía 0,21 dólar, ou 0,38%, a 54,89 dólares por barril.

A atividade foi fraca devido ao feriado do Dia do Trabalho nos EUA.

Os Estados Unidos começaram a impor tarifas de 15% sobre uma variedade de produtos chineses no domingo - incluindo calçados, relógios inteligentes e TVs de tela plana - enquanto a China impôs novas tarifas sobre o petróleo norte-americano, a mais recente escalada em uma guerra comercial contundente.

O presidente dos EUA, Donald Trump, disse que os dois lados ainda se encontrarão para negociações este mês. Trump, em comentário no Twitter, disse que seu objetivo é reduzir a dependência dos EUA pela China e novamente pediu às empresas norte-americanas que busquem fornecedores alternativos fora do país asiático.

A taxa da China de 5% sobre o petróleo dos Estados Unidos marca a primeira vez que o combustível foi alvo de ataques desde que as duas maiores economias do mundo começaram a guerra comercial, há mais de um ano.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade