PUBLICIDADE

Preços ao produtor nos EUA têm queda inesperada em maio

13 jun 2024 - 09h48
Compartilhar
Exibir comentários

Os preços ao produtor dos Estados Unidos caíram inesperadamente em maio em meio a custos mais baixos de energia, outra indicação de que a inflação estava diminuindo depois de saltar no primeiro trimestre.

O índice de preços ao produtor para a demanda final caiu 0,2% no mês passado, depois de avançar 0,5% em abril, informou o Departamento do Trabalho nesta quinta-feira.

Economistas consultados pela Reuters previam alta de 0,1%. Nos 12 meses até maio, o índice aumentou 2,2%, depois de subir 2,3% em abril.

Na quarta-feira, dados do governo mostraram que os preços ao consumidor permaneceram inalterados em maio pela primeira vez em quase dois anos, aumentando as expectativas do mercado financeiro de que o Federal Reserve começará a cortar a taxa de juros em setembro.

Também na véspera o banco central dos EUA manteve sua taxa de juros na faixa atual de 5,25% a 5,50%, onde está desde julho passado. O Fed elevou os juros em 525 pontos-base desde março de 2022 para conter a inflação.

As autoridades do Fed adiaram o início dos cortes nas taxas para talvez até dezembro, projetando apenas uma única redução de 0,25 ponto percentual para este ano. Os economistas continuaram otimistas de que o Fed reduzirá os custos dos empréstimos duas vezes este ano, começando em setembro.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade