0

Pilgrim's, da JBS, é alvo de investigação nos EUA junto com Tyson e outras empresas de frango

25 jun 2019
18h51
atualizado às 19h30
  • separator
  • comentários

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos iniciou uma investigação criminal sobre acusações que afirmam que a gigante norte-americana Tyson Foods e outras processadoras de carne, incluindo Pilgrim's Pride e Sanderson Farms, fizeram conluio para fixação de preços de carne de frango.

Produtos de frango da Tyson 29/05/2014 REUTERS/Mike Blake
Produtos de frango da Tyson 29/05/2014 REUTERS/Mike Blake
Foto: Reuters

As ações de Tyson, Pilgrim's Pride, controlada pela JBS, e Sanderson Farms recuaram no final do pregão.

Distribuidores de alimentos dos EUA abriram processos contra a Tyson e outros processadores de carne de frango, alegando que as companhias agem em conluio desde 2008 para reduzir produção e manipular preços.

A Sanderson Farms afirmou que as acusações contra a empresa "não têm mérito e a empresa vai se defender vigorosamente". A Pilgrim's Pride afirmou que não fixa preços. "A Pilgrim's nega fortemente qualquer alegação de conduta anticompetitiva", disse o porta-voz, Cameron Bruett. "A companhia agradece a oportunidade de se defender contra estas acusações por meio do processo legal."

A Tyson, que negou anteriormente as acusações, não comentou de imediato o assunto.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • comentários
publicidade