0

Petróleo fecha em queda em possível realização de lucros

17 jun 2019
16h55
  • separator
  • 0
  • comentários

Os contratos futuros de petróleo fecharam em queda nesta segunda-feira, 17, em um movimento que pode ser entendido como realização de lucros após os pregões de alta do fim da semana passada, influenciados pelos ataques a navios petroleiros no Golfo do Omã. Além disso, seguem especulações em relação à demanda pela commodity, que poderá ser afetada pela guerra comercial.

O petróleo WTI para julho fechou em queda de 1,10%, a US$ 51,93 por barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex). Já o Brent para agosto encerrou o pregão com recuo de 1,72%, para US$ 60,94 por barril, na Intercontinental Exchange (ICE).

O movimento de realização de lucros é comum após alguns pregões de alta, como os de quinta e sexta-feira da semana passada, quando o petróleo se valorizou após ataques a embarcações petroleiras no Oriente Médio, levantando especulações sobre a oferta.

Ao mesmo tempo, seguem as expectativas por queda na demanda, o que também tende a pressionar as cotações do óleo. As apostas se dão a partir dos sinais de desaceleração da economia mundial, impulsionada pela guerra comercial, o que reduz a demanda por energia.

"Dados de mercados mundiais confirmam que tanto o crescimento econômico global quanto a demanda por petróleo estão sob ataque, e o sentimento do mercado em relação ao WTI é que o contrato não estará imune a estes fatores", dizem analistas da Drillinginfo.

*Com informações da Dow Jones Newswires

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade