1 evento ao vivo

Petrobras terá 30 minutos em leilão do pré-sal para dizer se segue em consórcio

23 ago 2017
14h36
atualizado às 16h15
  • separator
  • comentários

A Petrobras terá 30 minutos para se manifestar sobre a permanência ou não nos consórcios em que participar nos leilões do pré-sal deste ano, afirmou nesta quarta-feira a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), ao anunciar a publicação de editais e modelos de contratos das licitações (www.brasil-rounds.gov.br).

Sede da Petrobras no Rio de Janeiro, Brasil
13/04/2017
REUTERS/Ricardo Moraes
Sede da Petrobras no Rio de Janeiro, Brasil 13/04/2017 REUTERS/Ricardo Moraes
Foto: Reuters

A regra, que valerá para a segunda e terceira rodadas sob regime de partilha, em 27 de outubro, permitirá que a Petrobras desista de áreas do pré-sal se considerar o lance vencedor muito elevado para sua capacidade financeira.

Uma nova norma também deu à Petrobras o direito de escolher as áreas do pré-sal que ela disputará nas licitações --antes, a empresa era obrigada a ser a operadora única de todas as áreas.

A Petrobras anunciou em maio que exercerá o direito de preferência em apenas três dos oito prospectos que serão ofertados nos dois leilões do pré-sal.

A estatal estimou em 810 milhões de reais o valor correspondente ao bônus de assinatura a ser pago pela companhia, considerando que os resultados dos leilões confirmem apenas as participações mínimas de 30 por cento indicadas em cada bloco.

Na segunda rodada do pré-sal, a empresa informou que exercerá a preferência para a área unitizável adjacente ao campo de Sapinhoá, um dos maiores do Brasil já em produção, enquanto na terceira a estatal exercerá preferência nos prospectos exploratórios de Peroba e Alto de Cabo Frio Central.

Nos leilões de partilha leva uma área o consórcio que ofertar à União o maior percentual do excedente em óleo. Além disso, o vencedor tem que arcar com um bônus de assinatura.

Na segunda rodada, serão oferecidas quatro áreas com jazidas unitizáveis envolvendo áreas não contratadas à União, relativas às descobertas denominadas Gato do Mato e Carcará, e aos campos de Tartaruga Verde e Sapinhoá.

A terceira rodada ofertará as áreas de Pau Brasil, Peroba e Alto de Cabo Frio Oeste, na Bacia de Santos, e a Área de Alto de Cabo Frio Central, nas Bacias de Santos e Campos.

A ANP informou ainda que os documentos para as rodadas, que passaram por consulta e audiência públicas, trazem ainda a revisão dos critérios de qualificação técnica para qualificação como operadora A e a alteração da sistemática de apresentação de ofertas.

Já com relação aos contratos de partilha, a ANP citou também aprimoramentos como a exclusão da multa por descumprimento das obrigações de P,D&I, a revisão da cláusula de arbitragem e alterações nos procedimentos para apuração do custo e do excedente em óleo, decorrentes do acatamento de sugestões recebidas no âmbito da consulta pública.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade