PUBLICIDADE

Petrobras assina contrato de arrendamento de terminal de GNL na Bahia com Excelerate

28 set 2021 19h21
ver comentários
Publicidade

A Petrobras assinou com a Excelerate Energy nesta terça-feira contrato de arrendamento do Terminal de Regaseificação de Gás Natural Liquefeito da Bahia e instalações associadas, por 102 milhões de reais, com vigência até o fim de 2023, informou a petroleira estatal em comunicado ao mercado.

Pessoas passam em frente à sede da Petrobras no Rio de Janeiro
16/10/2019
REUTERS/Sergio Moraes
Pessoas passam em frente à sede da Petrobras no Rio de Janeiro 16/10/2019 REUTERS/Sergio Moraes
Foto: Reuters

Com a conclusão da negociação, a Excelerate está buscando, com o apoio da Petrobras, a transferência das licenças e autorizações necessárias para a operação de um novo navio regaseificador no terminal, segundo a Petrobras.

"Tão logo a nova empresa esteja apta a operar, a Petrobras deslocará o seu navio regaseificador que se encontra no TR-BA para o Terminal de Regaseificação de GNL de Pecém, no Ceará", disse a companhia.

Anteriormente, para ajudar o Brasil a lidar com a crise hidrelétrica, a Petrobras deslocou seu navio regaseificador do terminal de Pecém para o terminal da Bahia, em um movimento que permitiu maior oferta de termoeletricidade.

A concessão do terminal na Bahia atende a um acordo firmado entre Petrobras e órgão antitruste Cade, uma vez que a companhia se comprometeu em colaborar com abertura do mercado de gás no país.

Localizado na Baía de Todos os Santos, o terminal de GNL da Petrobras na Bahia tem capacidade de regaseificação máxima de 20 milhões de metros cúbicos por dia.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade