0

Ouro fecha em alta, ajudado pelo dólar mais fraco e de olho nas falas de Powell

10 jul 2019
15h14
  • separator
  • 0
  • comentários

O ouro fechou com ganhos nesta quarta-feira, 10, impulsionado pelo recuo forte do dólar durante o pregão. Além disso, sinais de que o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) pode cortar a taxa de juros mais adiante nos Estados Unidos colaboraram para o movimento.

O ouro para entrega em agosto fechou em alta de 0,86%, em US$ 1.412,50 a onça-troy, na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), no maior patamar de fechamento em uma semana.

No câmbio, o dólar se enfraqueceu durante o pregão. Isso torna o ouro, cotado na moeda americana, mais barato para os detentores de outras divisas e tende a impulsionar a demanda.

Além disso, o presidente do Fed, Jerome Powell, deu sinalizações de que pode haver um corte nos juros no futuro nos EUA. Alguns analistas acreditam que as declarações de hoje do dirigente reforçam a expectativa de mercado de uma redução na taxa de juros no país, o que tende a levar para baixo os retornos dos Treasuries. Como os bônus concorrem com o ouro como opção segura para investidores, nesse caso a demanda pelo metal tende a ser apoiada. / COM INFORMAÇÕES DA DOW JONES NEWSWIRES

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade