0

Objetivo é reformar Previdência com justiça social mantendo ajuste fiscal, diz relator

29 abr 2019
11h18
  • separator
  • 0
  • comentários

O relator da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma da Previdência na comissão especial da Câmara dos Deputados, Samuel Moreira (PSDB-SP), disse nesta segunda-feira que seu objetivo é mudar as regras de acesso à aposentadoria com justiça social e sem impactar no ajuste fiscal pretendido pelo governo do presidente Jair Bolsonaro.

Relator Samuel Moreira, em sessão na Câmara 25/4/ 2019 REUTERS/Adriano Machado
Relator Samuel Moreira, em sessão na Câmara 25/4/ 2019 REUTERS/Adriano Machado
Foto: Reuters

"A reforma da Previdência será uma construção conjunta dos deputados. Vamos debater item por item, valor por valor, sempre com um objetivo: fazer justiça social sem abrir mão de um robusto ajuste fiscal", escreveu o relator em sua conta no Twitter.

A comissão especial que analisará o mérito da PEC da reforma na Câmara foi instalada na semana passada e, após emitir parecer sobre a matéria, ela irá ao plenário da Casa, onde precisa de 308 votos em dois turnos de votação para avançar ao Senado.

Com a chegada da reforma na comissão especial, as articulações para aprovar a proposta, apontada como fundamental para reequilibrar as contas públicas e aquecer a economia, ganharam força.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), se reuniu no fim de semana com Bolsonaro e no final da tarde desta segunda-feria se encontrará com o ministro da Economia, Paulo Guedes. Maia é um dos principais defensores e articuladores da reforma.

A equipe econômica de Bolsonaro, liderada por Guedes, busca uma economia da ordem de 1 trilhão de reais em 10 anos com as mudanças nas regras previdenciárias.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade