0

Mantendo cautela pré-Fed, bolsas asiáticas fecham com ganhos moderados

18 jun 2019
07h01
  • separator
  • comentários

As bolsas asiáticas fecharam majoritariamente com ganhos moderados nesta terça-feira, à medida que investidores da região mantiveram a cautela antes da reunião de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA), que começa mais tarde e será concluída amanhã. A expectativa é que o Fed prepare o terreno esta semana para começar a cortar juros nos próximos meses, possivelmente a partir de julho. Na Oceania, o mercado australiano foi impulsionado por indicações do banco central local de que haverá mais cortes de juros adiante.

Na China, o índice Xangai Composto teve alta marginal de 0,09% hoje, a 2.890,16 pontos, enquanto o menos líquido Shenzhen Composto subiu 0,16%, a 1.504,57 pontos.

O impasse no diálogo comercial entre EUA e China continua, mas há expectativas de que os presidentes Donald Trump e Xi Jinping se encontrem às margens da reunião de cúpula de lideres do G20, a ser realizada no Japão no fim deste mês, para discutir uma solução para as divergências comerciais entre as duas maiores potências econômicas globais. Antes disso, o líder chinês visitará a Coreia do Norte e se reunirá com o líder do país, Kim Jong-un, no fim da semana.

No Japão, por outro lado, o Nikkei recuou 0,72%, a 20.972,71 pontos, pressionado pela valorização do iene frente ao dólar durante a madrugada.

Em outras partes da Ásia, o sul-coreano Kospi subiu 0,38% em Seul, a 2.098,71 pontos, e o Taiex registrou ganho de 0,34% em Taiwan, a 10.566,74 pontos, mas o Hang Seng teve valorização mais expressiva, de 1%, a 27.498,77 pontos, depois de a líder de Hong Kong se desculpar pela forma como lidou com um polêmico projeto de lei sobre extradições que causou massivos protestos no território.

Já a bolsa australiana, a principal da Oceania, reagiu à última ata de política monetária do RBA - como é conhecido o BC local - sinalizando que poderá voltar a cortar juros nos próximos meses. No último dia 4, o RBA reduziu seu juro básico em 0,25 ponto porcentual, a 1,25%, no primeiro corte da taxa desde agosto de 2016. Em Sydney, o S&P/ASX 200 subiu 0,60% hoje, a 6.570,00 pontos, atingindo nova máxima em 11 anos e meio. Com informações da Dow Jones Newswires

Estadão
  • separator
  • comentários
publicidade