0

Índia e UE listam produtos dos EUA à OMC para possível retaliação

18 mai 2018
17h30
  • separator
  • 0
  • comentários

A Índia e a União Europeia entregaram à Organização Mundial do Comércio listas de produtos norte-americanos que podem incorrer em tarifas maiores de importação em retaliação às sobretaxas criadas pelo presidente norte-americano Donald Trump sobre aço e alumínio.

A UE disse que as tarifas dos EUA sobre aço podem custar 1,5 bilhão de dólares e as tarifas de alumínio mais 100 milhões de dólares, e listou arroz, cranberries, bourbon, milho, pasta de amendoim e produtos siderúrgicos entre os itens norte-americanos que podem ser alvo de retaliação do bloco.

A Índia disse estar incorrendo em custos adicionais de 31 milhões de dólares com as sobretaxas de alumínio e de 134 milhões no caso do aço, e listou as exportações dos EUA de óleo de soja, palmoleína e castanha de caju entre seus possíveis alvos de retaliação.

Uma autoridade do comércio descreveu as listas de tarifas retaliatórias como "carregar munição em uma arma", deixando claro para os exportadores norte-americanos que impactos podem estar a caminho.

A Índia disse que suas tarifas entrarão em vigor em 21 de junho, a menos que os Estados Unidos retirem as sobretaxas.

A UE disse que algumas retaliações podem ser aplicadas a partir de 20 de junho.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade