2 eventos ao vivo

Dólar recua ante euro e iene, após dados fracos dos EUA

14 fev 2019
19h25
  • separator
  • 0
  • comentários

O dólar caiu diante do euro e do iene nesta quinta-feira, 14, depois de indicadores modestos dos Estados Unidos. A libra, porém, mesmo assim recuou, em meio às dificuldades da primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, para avançar no processo de saída do Reino Unido, o Brexit.

No fim da tarde em Nova York, o dólar caía a 110,54 ienes, o euro avançava a US$ 1,1296 e a libra tinha queda para US$ 1,2797.

Na agenda de indicadores dos EUA, as vendas no varejo recuaram 1,2% em dezembro ante novembro, contrariando a previsão de alta de 0,1% dos analistas. Os pedidos de auxílio-desemprego subiram 4 mil na última semana, a 239 mil, ante expectativa de 225 mil. O índice de preços ao produtor do país recuou 0,1% em janeiro ante dezembro, quando a projeção dos analistas era de alta de 0,1%.

Os dados fracos, sobretudo o de vendas no varejo, pressionaram o dólar. Além dos sinais modestos da economia em si, os indicadores poderiam levar o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) a ter mais paciência no aperto monetário. Diretora do Fed, Lael Brainard enfatizou, porém, que o dado "é referente apenas a um mês" e que é preciso observar intervalos mais longos.

No Reino Unido, May sofreu nova derrota no Parlamento, com a Câmara dos Comuns votando contra uma moção que reiterava a estratégia da premiê para o Brexit. A votação foi simbólica, mas vista como um sinal da fraqueza da primeira-ministra em sua corrida para fechar um acordo com a UE e garantir a aprovação dele no Parlamento. A data prevista para a saída do Reino Unido do bloco é 29 de março. (Com informações da Dow Jones Newswires)

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade