PUBLICIDADE

Dólar cai a R$ 5,48 com leve desmonte futuro e fluxo estrangeiro para Bolsa

25 jan 2022 12h08
ver comentários
Publicidade

O dólar renovou mínima a R$ 5,4865 no mercado á vista, há pouco. O gerente da mesa de derivativos da corretora CommCor, Cleber Alessie Machado Neto, diz que o mercado opera com um giro menor e tem continuidade o movimento recente de aumento de posição comprada de estrangeiros em Ibovespa, o que vem ajudando na queda do dólar também. "O real volta a testar os R$ 5,48 com possível retomada de busca de barganhas em outros mercados fora dos EUA", observa.

Machado Neto comenta que ontem o estresse global puxou o dólar para cima e o Ibovespa para baixo, mas hoje a dinâmica parece ser positiva novamente para o Brasil, com possível entrada de fluxo estrangeiro. O gerente declarou ainda que o investidor não residente também está dando continuidade na B3 ao desmonte parcial de posições compradas em derivativos cambiais (dólar futuro, mini, swap e cupom cambial).

Por isso, segundo ele, a alta do dólar importada pelo contágio externo perdeu força, com estrangeiros aproveitando a alta de mais cedo para vender na sessão. As oscilações estão entre margens estreitas, enfatiza.

Lá fora, o dólar segue em alta e as bolsas em Nova York caem bem, com expectativas sobre a reunião de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos), amanhã.

O mercado pode estar se precavendo para a possibilidade de o Fed passar uma mensagem mais agressiva do que o esperado sobre o aperto monetário no País, desconfia Machado Neto.

Estadão
Publicidade
Publicidade