0

Dólar à vista retoma alta após compras de importadores e tesourarias

12 jun 2019
10h43
  • separator
  • comentários

O dólar no mercado à vista retomou o sinal de alta e, pouco antes do fechamento deste texto, subia 0,16%, a R$ 3,8557, após ter passado a cair e registrado mínima em R$ 3,8427 (-0,18%), reagindo ao núcleo do índice de preços ao consumidor (CPI) dos Estados Unidos em maio abaixo da previsão de analistas.

"O PPI americano em linha com as estimativas ontem e o núcleo do CPI hoje abaixo da previsão confirmam a forte possibilidade de um corte dos juros americanos ainda este ano", avalia Jefferson Rugik, diretor superintendete da Correparti.

Por isso, ele diz que o dólar comercial foi buscar a mínima do dia em R$ 3,8427, mas, com isso, a moeda ficou barata e atraiu importadores à ponta compradora, além das tesourarias de bancos, que passaram a recompor posições, acompanhando ainda o viés de alta persistente da moeda americana no exterior, resumiu.

Tanto o índice cheio como o núcleo do CPI dos EUA em maio subiram 0,1%, sendo que a estimativa para o núcleo era de alta de 0,2%.

Estadão
  • separator
  • comentários
publicidade