PUBLICIDADE

O prazo é hoje: veja o que fazer se estiver atrasado com o IR

31 mai 2022 - 01h00
Ver comentários
Publicidade
Foto: Adobe Stock

O prazo acaba hoje, 31 de maio. Você precisa entregar sua declaração do Imposto de Renda para evitar o pagamento da multa ― R$ 165,74, e é de 1% ao mês, sobre o valor do imposto de renda devido. O valor pode chegar a até 20% do valor do imposto de renda.

O recomendado é que o contribuinte faça a sua declaração com cuidado para não precisar retificar. Erros na declaração podem ainda aumentar o prazo para a restituição, no caso de quem tem valores a restituir. Quem entregou a declaração no início do prazo já pode ser contemplado para começar a receber a restituição a partir de hoje (31).

Então, não precisa se desesperar, ainda dá tempo de entregar a sua declaração do IR de 2022. Para ajudar, separamos uma lista com as informações que você pode precisar consultar para encerrar a sua declaração. Fique atento nos links abaixo para acessar as matérias completas:

- A antecipação da restituição pode ser uma alternativa para quitar dívidas, conheça as condições desse tipo de crédito;

- Você já tem todos os documentos que você precisa para declaração do IR? Confira o checklist de todos os documentos que você precisa ter em mãos para arrasar na declaração do IR 2022;

- Você recebeu um dinheirinho do Google? Como declarar no IR valores recebidos do exterior;

- Neste ano você  decidiu investir em criptomoedas? Veja como declarar ganhos com criptomoedas no Imposto de Renda;

- Você é MEI? Seu prazo é maior (até fim de junho) para declarar seu IR. Aprenda a fazer declaração anual (mesmo se não faturar nada);

- Conheça 3 aplicativos que facilitam a declaração do IR de ações;

- Contribuinte de primeira viagem: quais informações importantes para quem vai declarar o IR pela primeira vez com dicas de especialista; 

- Para quem é microempreendedor: Saiba como funciona a declaração de IR para MEI;

- Se tomou crédito: saiba como declarar empréstimo consignado

- Trabalhador, aposentado ou pensionista: veja como deduzir contribuições do INSS no IR.

Redação Dinheiro em Dia
Publicidade
Publicidade