PUBLICIDADE

5 passos para criar um e-commerce gastando até R$ 1 mil

Abrir uma loja virtual ficou mais acessível, mas processo exige planejamento.

27 mai 2022 06h00
ver comentários
Publicidade
Foto: Adobe Stock

A crise econômica causada pela pandemia promoveu um número recorde de abertura de pequenos negócios no Brasil em 2021: mais de 3,9 milhões de empreendimentos. Pela possibilidade de iniciar um e-commerce com pouco investimento, essa foi uma modalidade campeã na escolha dos pequenos empreendedores.

Ter sua própria loja virtual hoje em dia não exige grandes quantias de dinheiro, mas é um processo que exige cautela e muito planejamento. Se seu segmento é de acessórios e moda, por exemplo, você consegue comprar R$ 500,00 em roupas importadas e pode faturar até R$ 1.500,00 com esses produtos.

É mais ou menos a mesma conta se você for considerar a área de cosméticos, perfumaria e decoração. O primeiro passo é buscar um fornecedor de qualidade e de confiança. Com R$ 500,00 de produtos e mais R$ 500,00 para investir em redes sociais, loja virtual e propagandas, o primeiro grande passo está dado.

Mas quais seriam os primeiros passos para você investir em um e-commercce gastando até R$ 1 mil? Para responder isso, consultamos Marina Ballester, chefe de experiência do cliente da Loja Integrada, plataforma para criação de lojas virtuais do país, que tem mais de 2,5 milhões de lojas criadas. Veja as dicas.

1. Defina seu público alvo

“Antes de ter o seu produto, pesquise quem será seu cliente. Converse com amigos e peça opinião sobre seu negócio. Leia sobre outras lojas que serão suas concorrentes. A escolha do seu público alvo pode ser o diferencial para os resultados do seu negócio”, diz Ballester.

2. Aposte em um e-commerce de nicho

“Invista em algo que você já conheça. Procure focar em um setor específico, assim é mais fácil ser reconhecido. Por isso é importante fazer a pesquisa de mercado. Faça com que sua loja seja a melhor vitrine do produto que escolheu. Tenha uma proposta simples e objetiva de negócio.”

3. Invista em Marketing digital

“Lembre-se que sua loja é virtual, então ela precisa aparecer de alguma forma. Invista em anúncios, redes sociais. Esse é um grande passo para que seu negócio dê certo e seu e-commerce alcance mais visibilidade e atração de potenciais clientes.”

4. Priorize a entrega dos produtos

“Esse é o principal desafio para quem tem uma loja virtual. Já pensou em fazer a entrega para todo o país? Você precisa garantir que seu cliente receberá seu produto no prazo estipulado e em boas condições. Planeje também sobre a entrega em datas comemorativas, feriados. Especifique em seu site sobre prazo e limitação de entrega.”

5. Ofereça facilidade de acesso

“É importante que a sua loja virtual seja de fácil acesso na versão mobile. Verifique a compatibilidade do seu site para versões como celulares e tablets. Pesquise também sobre os meios de pagamento que seu cliente irá fazer. É importante ressaltar sobre os mecanismos de busca no Google, pois quanto mais acessível e preparado seu e-commerce estiver, mais fácil será encontrá-lo.”

Redação Dinheiro em Dia
Publicidade
Publicidade