0

Daimler amplia aliança de baterias com chinesa CATL

5 ago 2020
12h14
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A Daimler disse nesta quarta-feira que está ampliando uma aliança com a fabricante chinesa de baterias CATL para entregar baterias capazes de fornecer aos carros da Mercedes-Benz 700 quilômetros de alcance e uma recarga mais rápida.

06/02/2019
REUTERS/Michael Dalder
06/02/2019 REUTERS/Michael Dalder
Foto: Reuters

Segundo o acordo com a CATL, a parceria incluirá o fornecimento de células e sistemas completos de baterias, além da combinação das pesquisas das empresas.

"Pretendemos liderar as tecnologias de bateria, por isso agora estamos combinando nosso conhecimento em pesquisa e desenvolvimento com parceiros ousados", afirmou a Daimler em comunicado.

"O acordo abrange toda a gama de tecnologias de bateria, de células em módulos para carros da Mercedes-Benz a sistemas completos de bateria para nossas vans em configurações de tecnologia inovadoras e promissoras. Isso também inclui o design 'cell-to-pack' (CTP) da CATL, que elimina os módulos convencionais e integra as células diretamente na bateria".

A parceria visa reduzir os ciclos de desenvolvimento, aumentar significativamente o alcance de baterias futuras por meio de avanços na densidade de energia e reduzir seu tempo de carregamento, disse a Daimler.

A CATL utilizará eletricidade de fontes renováveis de energia, como eólica, solar e hidrelétrica para a produção das células de bateria, informou o comunicado conjunto.

Veja também:

Bolsonaro fala em 'cartão vermelho' para quem sugere congelar aposentadorias e enterra Renda Brasil
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade