1 evento ao vivo

Com queda na produção, Brasil importa maior volume de cacau em 16 anos, diz FCStone

22 set 2017
18h43
atualizado às 18h49
  • separator
  • comentários

O Brasil importou 54 mil toneladas de cacau nos primeiros seis meses do ano, o maior nível dos últimos 16 anos, devido à queda na produção e aos baixos níveis dos estoques, disse a consultoria INTL FCStone em nota nesta sexta-feira.

Funcionário trabalha em fábrica de ovos de páscoa em preparação ao feriado de Páscoa em São Paulo, Brasil
26/02/2015
REUTERS/Paulo Whitaker
Funcionário trabalha em fábrica de ovos de páscoa em preparação ao feriado de Páscoa em São Paulo, Brasil 26/02/2015 REUTERS/Paulo Whitaker
Foto: Reuters

"Com um clima pouco favorável prejudicando as lavouras cacaueiras na Bahia, a produção de cacau brasileira no primeiro semestre de 2017 foi impactada", disse a consultoria, acrescentando que foi o segundo pior desempenho dos últimos sete anos para o período.

Chuvas fora de época na Bahia, que na safra 2015/16 produziu 66 por cento do cacau do Brasil, prejudicaram o cultivo.

Nacionalmente, a produção foi estimada em 65 mil toneladas, a segunda pior dos últimos sete anos, superando apenas a do ano passado, quando foram colhidas 45 mil toneladas após uma quebra na safra da Bahia devido à estiagem.

O Brasil é importante na produção global de cacau, mas tem sido um importador líquido da commodity, pois a demanda interna é maior do que a safra.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • comentários
publicidade