1 evento ao vivo

Premiê da China diz que deve usar medidas contracíclicas 'de forma mais eficaz'

12 nov 2019
09h17
atualizado às 12h26
  • separator
  • 0
  • comentários

A China deve usar medidas de ajuste contracíclicas de maneira mais eficaz, disse o primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, nesta terça-feira, em meio à crescente pressão sobre a segunda maior economia do mundo.

Li Keqiang, primeiro-ministro da China 
04/11/2019
REUTERS/Chalinee Thirasupa
Li Keqiang, primeiro-ministro da China 04/11/2019 REUTERS/Chalinee Thirasupa
Foto: Reuters

A China também deve manter as políticas macroeconômicas estáveis para garantir que as principais metas econômicas para este ano sejam alcançadas, disse Li em comunicado sobre uma reunião divulgada em um site do governo.

O crescimento econômico da China desacelerou para 6,0% na comparação ano a ano no terceiro trimestre, o ritmo mais fraco em pelo menos 27 anos e meio, com a demanda doméstica e internacional vacilando em meio a uma guerra comercial contra os Estados Unidos.

O país estabeleceu uma meta de crescimento entre 6% e 6,5% para todo o ano de 2019.

O governo melhorará o uso de títulos especiais de governos locais e fortalecerá o apoio à economia real, afirmou o comunicado.

A China também quebrará barreiras ocultas ao investimento para melhorar o ambiente de negócios, acrescentou.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade