Cade aprova venda de ativos da BRF em Várzea Grande para Marfrig

24 dez 2018
11h47
  • separator
  • 0
  • comentários

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, a aquisição, pela Marfrig, de bens e direitos atualmente detidos pela BRF relacionados a fábrica situada em Várzea Grande (MT) que produz hambúrgueres, almôndegas, quibe e outros produtos a partir de carne bovina. A decisão do Cade está publicada no Diário Oficial da União (DOU).

Anunciado no início do mês, o negócio inclui a venda de terreno e equipamento da fábrica da BRF em Várzea Grande por R$ 100 milhões. A transação faz parte de plano de desinvestimento da companhia de R$ 5 bilhões.

A operação aprovada também abrange acordo de fornecimento entre Marfrig e BRF, por meio do qual a Marfrig se compromete a fornecer à BRF produtos acabados (hambúrgueres, almôndegas, quibes, etc.) por um período de 60 meses.

As empresas argumentaram ao Cade que o negócio permitirá à Marfrig voltar a suprir produtos acabados à base de carne bovina no Brasil e, para a BRF, "tem por objetivo acelerar o processo de desalavancagem financeira da empresa". Além disso, acrescenta a empresa, a parceria com a Marfrig, por meio do acordo de fornecimento, deverá acarretar impacto positivo sobre o resultado obtido no negócio de processados, decorrente da diminuição de custos de operação.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade