0

Bolsas asiáticas fecham sem direção única, com liquidez comprometida por feriado

7 fev 2019
06h51
  • separator
  • 0
  • comentários

As bolsas da Ásia e do Pacífico encerraram os negócios desta quinta-feira sem direção única, com a liquidez ainda comprometida pelo feriado do ano-novo lunar, que mantém fechados os mercados da China, de Hong Kong e de Taiwan.

Investidores da região continuam atentos aos desdobramentos das negociações comerciais entre Estados Unidos e China. Ontem, o Secretário do Tesouro americano, Steven Mnuchin, confirmou que viajará a Pequim na próxima semana, acompanhado de uma delegação, para retomar o diálogo comercial.

Segundo Mnuchin, ambos os lados estão comprometidos e se esforçando para fechar um acordo comercial até o prazo final de 1º de março. Mnuchin também descreveu as recentes conversas com o vice-primeiro-ministro chinês, Liu He, em Washington, como "muito produtivas".

No Japão, o índice Nikkei caiu 0,59% hoje, a 20.751,28 pontos, pressionado por ações de grandes empresas que divulgaram balanços decepcionantes, caso da montadora Toyota (-1,9%), da construtora Taisei (-5,3%) e da companhia química Asahi Kasei (-4,8%).

Na Coreia do Sul, a bolsa local ficou praticamente estável, depois de voltar de um feriado de três dias. O Kospi teve baixa marginal de 0,04% em Seul, a 2.203,42 pontos.

Já na Oceania, a bolsa australiana estendeu os ganhos recentes para o quarto pregão consecutivo, atingindo nova máxima em quatro meses. O S&P/ASX 200 avançou 1,1% em Sydney, a 6.092,50 pontos. Com informações da Dow Jones Newswires.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade