0

Black Week em investimentos tem de CDB a cursos de finanças

A exemplo da Black Friday no comércio eletrônico e nas lojas de varejo, ela também exige uma pesquisa prévia e cautela dos investidores

17 nov 2020
10h09
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A Black Week de Investimentos que começou na segunda-feira, 12, e vai até a próxima sexta, 20, tem diversas promoções para quem quer abrir contas em instituições financeiras e plataformas de investimento. A exemplo da Black Friday no comércio eletrônico e nas lojas de varejo, porém, ela também exige uma pesquisa prévia e cautela dos aplicadores.

Entre as dicas consideradas mais relevantes pelas próprias instituições financeiras está a orientação para que o investidor pessoa física observe o prazo de permanência na aplicação, os riscos e o respeito ao perfil de investimento (conservador, moderado, arrojado).

Na questão do prazo, por exemplo, a Órama Investimentos listou um certificado de depósito bancário (CDB) do Banco Máxima com rendimento de 12% ao ano, mas duração de nove anos e meio. Em prazos menores, a plataforma lista CDBs do Máxima de três anos e meio com taxa de 8,85% ao ano, e outro de cinco anos e meio com taxa de 11,10% ao ano. O investimento em CDB tem cobertura pelo Fundo Garantidor de Créditos (FGC) até o limite de R$ 250 mil por CPF na instituição emissora.

Na Blue Week do BTG Pactual Digital há um CDB prefixado, com retorno próximo aos 11% ao ano e o valor exato definido a cada dia, e outro pós-fixado, com rendimento de 155% do CDI. Os produtos têm prazo de cinco anos e aplicação mínima de R$ 10 mil. "A título de comparação, a rentabilidade destes produtos supera hoje em mais de quatro vezes o retorno da poupança", diz o texto do informe.

O discurso da atratividade também aparece em outras promoções. Em seu comunicado, a Órama exalta o ganho do CDI de "um ano inteiro" (2% ao ano) para atrair até mil novos investidores. Nessa campanha chamariz, a cada R$ 3,5 mil depositados, o cliente recebe 2% desse valor (R$ 70) numa cota de um fundo imobiliário. O limite é de três cotas, ou seja, um depósito de até R$ 10,5 mil.

De aulas a tratamento dentário

As promoções não estão restritas ao universo de investimentos e seus riscos. A casa de análise independente Suno promete "duas super-aulas" grátis para quem se inscrever na semana da Black Friday. Outra casa de análise, a Eleven dá descontos entre 25% a 60% em seus pacotes de relatórios.

O Banco Inter entrou na semana de promoções com produtos do setor de seguros, via cashback em seguro de vida e seguro de automóveis, e também com descontos em planos odontológicos e consórcios imobiliários e de veículos.

Veja também:

Amazon atrasa Black Friday para não prejudicar lojas menores
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade