PUBLICIDADE

BC britânico não deveria reduzir estímulo por vários trimestres, diz Vlieghe

26 jul 2021 10h50
ver comentários
Publicidade

A autoridade do banco central britânico, Gertjan Vlieghe, disse que o banco não deveria reduzir seu estímulo, possivelmente, até 2022, porque o recente aumento na inflação deve ser temporário e a Covid-19 continua sendo uma ameaça para a economia.

BC britânico não deveria reduzir estímulo por vários trimestres, diz Vlieghe
12/07/ 2019. 
REUTERS/Henry Nicholls/File Photo
BC britânico não deveria reduzir estímulo por vários trimestres, diz Vlieghe 12/07/ 2019. REUTERS/Henry Nicholls/File Photo
Foto: Reuters

Vlieghe também disse que gostaria de ver nos próximos meses o impacto sobre a economia da retirada do programa de apoio durante a pandemia, fornecido pelo governo, incluindo o programa de subsídio salarial.

"Por todas essas razões, acredito que continuará sendo apropriado manter o estímulo monetário atual por, pelo menos, vários trimestres, e provavelmente por mais tempo", disse Vlieghe em discurso na London School of Economics nesta segunda-feira.

Duas autoridades do banco central - o vice-presidente, Dave Ramsden, e Michael Saunders - disseram neste mês que o momento de adotar uma política monetária mais rígida pode estar se aproximando, levantando a perspectiva de uma redução do programa de compra de títulos antes do planejado.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade