PUBLICIDADE

S&P corta rating de Petrobras e outras 35 empresas

18 fev 2016 09h02
ver comentários
Publicidade
S&P: aperto nas condições de crédito pressiona avaliação de empresas do país
S&P: aperto nas condições de crédito pressiona avaliação de empresas do país
Foto: Wikimedia / O Financista

Após rebaixar o rating soberano do Brasil de BB+ para BB, o segundo nível dentro da escala de grau especulativo ("junk"), a agência de risco Standard & Poor's (S&P) decidiu cortar a nota de crédito da Petrobras e de outras 35 empresas do país, incluindo bancos.

A agência reduziu o rating da Petrobras de BB para B+. Neste contexto, a estatal petrolífera precisaria subir quatro degraus para recuperar o selo de bom pagador.

De acordo com a S&P, o corte do rating brasileiro e o aperto nas condições de crédito pressionam a avaliação da maior parte das empresas do país. 

"Essas companhias foram afetadas de diversos modos, dependendo da sua configuração de negócio e da sua situação financeira", diz a agência, em nota.

O Financista Todos os direitos reservados
Publicidade
Publicidade