PUBLICIDADE

Reality Shows

Por que eliminação no Big Brother da Argentina causou tentativa de invasão aos estúdios

Emissora precisou acionar polícia para escoltar participante para fora dos estúdios do reality

19 jun 2024 - 10h25
(atualizado às 13h35)
Compartilhar
Exibir comentários

A eliminação de uma participante do Big Brother da Argentina causou uma confusão que terminou com a tentativa de invasão de fãs do programa aos estúdios do reality show nesta segunda, 19.

O motivo foi a eliminação de Juliana "Furia" Scaglione com 62% dos votos. Em abril, a participante descobriu um câncer e, mesmo assim, continuou no confinamento enquanto acompanhava o diagnóstico de leucemia.

Na ocasião, o apresentador do Gran Hermano, nome argentino do reality, Santiago Del Moro, leu o boletim médico no ar e declarou que Furia não precisava de "tratamento específico, mas necessitaria de acompanhamento médico mensal."

Com a eliminação, a polícia foi chamada para conter o protesto nas portas da emissora Efe, em Buenos Aires, que pedia o retorno da sister.

Outra causa da comoção é que Furia perdeu a mãe para o câncer, em 2019, e, desde então, a família passou a enfrentar dificuldades financeiras.

Apesar disso, a participante saiu do programa sob escolta policial. O prêmio do Gran Hermano equivale a cerca de R$ 115 mil.

Assista ao vídeo de tentativa de invasão

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade