2 eventos ao vivo

Indiciada por 3 crimes, Najila vira vilã de novela na mídia

Escândalo sexual envolvendo Neymar ganha novo capítulo em uma trama que parece longe do fim

10 set 2019
14h21
atualizado às 20h01
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Najila Trindade no clipe do cantor Zula, gravado antes do escândalo com Neymar
Najila Trindade no clipe do cantor Zula, gravado antes do escândalo com Neymar
Foto: Youtube / Reprodução

No início da tarde desta terça-feira (10), o boletim do Jornal Hoje apresentado por Sandra Annenberg no SP1, comandado por César Tralli, informou a reviravolta no caso Neymar-Najila. A Polícia Civil de São Paulo indiciou a modelo por denunciação caluniosa, fraude processual e extorsão.

De acordo com nota oficial do órgão, o ex-marido de Najila Trindade, Estivens Alves, também foi indiciado por fraude processual, além do indiciamento por divulgação de material erótico – ele teria fornecido imagens da modelo a um repórter.

A acusação de estupro e agressão contra Neymar Jr. foi recusada pela Polícia, que não o indiciou, e também pelo Ministério Público e a Justiça.

“Decidimos pelo arquivamento do processo por não haver provas suficientes. Isso não significa a absolvição do averiguado. Há a possibilidade de reabertura do inquérito”, despachou a juíza Ana Paula Vieira de Moraes, da Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher.

De vítima, Najila passou a ser vista como vilã – e coube ao atacante do Paris Saint-Germain o papel de injustiçado.

Sem fazer juízo de valor a respeito de culpabilidade, o caso ganha contornos novelescos com base no velho maniqueísmo dramatúrgico do ‘culpado ou inocente’.

Durante o processo de investigação, Najila foi descrita por parte da imprensa e nas redes sociais como personagem maquiavélica de uma trama soturna. As poucas entrevistas a canais de TV, ao invés de ajudá-la, fizeram despencar o apoio popular que recebera inicialmente.

Todo mundo passou a imaginar que o desfecho seria dramático para a jovem. Dito e feito. Já para Neymar, o indiciamento triplo de sua acusadora é uma importante vitória na reconstrução de sua imagem pública afetada por esse e outros episódios polêmicos nos últimos tempos.

Mas será preciso muito mais do que isso para reabilitar a figura midiática do jogador. Ele precisa urgentemente de um gerenciador de crise a fim de minimizar os danos ao seu estrelato e preparar o terreno para um indispensável reposicionamento de marca. Hoje, Neymar recebe mais vaias do que aplausos.

Isolada, Najila não tem muitas opções. Ou permanece longe dos flashes e câmeras de TV – e faz uma defesa discreta para tentar se livrar da mão pesada da Justiça – ou ressurge para capitalizar algo da fama inglória da qual não conseguirá se livrar nunca mais. O advogado da modelo dá a entender que ainda vai produzir muito barulho contra Neymar.

O que começou como prazer casual numa suíte em Paris, a cidade dos amantes, se tornou um folhetim triste da vida real. Não há final feliz para ninguém.

Veja mais:

Justin Bieber abre o jogo: fama, drogas e depressão

 

Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade