0

Rainbow Six Siege: veja os bastidores da música Fé no Jogo

Ubisoft Brasil homenageou os fãs de R6 na obra criada pelos rappers Rincon Sapiência e Yung Buda

4 dez 2020
14h19
atualizado às 16h48
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Em uma parceria exclusiva com os artistas Rincon Sapiência e Yung Buda, a Ubisoft lançou a música “Fé no Jogo”, uma obra dedicada aos fãs de Rainbow Six Siege. O Terra Games conversou com os envolvidos no projeto e contou os detalhes da produção. Assista abaixo. 

O projeto foi criado, desde o início, como forma de reconhecer a importância do público que acompanha e consome conteúdo relacionado ao game no país. A equipe da Ubisoft Brasil analisou os gêneros musicais mais consumidos por jogadores amadores e profissionais e, em seguida, buscou nomes relevantes para elaboração de letra e melodia.

Com 20 anos de carreira, Rincon é um veterano do rap nacional. Entre prêmios e o sucesso com o público, o músico e poeta possui dois discos - Galanga Livre (2017) e Mundo Manicongo: Dramas, Danças e Afroreps (2019) - além de ser dono de singles como “Elegância”, “Linhas de Soco” e “Ponta de Lança”.

“Costumo fazer citações a personagens de videogame nas minhas músicas. O público que é muito ligado nesse universo consegue se identificar com isso no meu trabalho. Recentemente me aproximei ainda mais deste meio. Além disso, tenho um filho pré-adolescente que joga bastante. Os games também estão na minha formação pessoal”, conta Rincon.

O rapper explica que fez uma imersão no Rainbow Six Siege durante as semanas de produção da música: “É bem interessante. Jogos assim conseguem cada vez mais trazer fidelidade e criar um ‘clima’ sobre aquilo que você está sentindo. Passei a admirar ainda mais como a história dos games evoluiu e eles conseguem trazer uma experiência incrível para quem está jogando”.

Yung Buda e Rincon Sapiência durante gravação da música Fé no Jogo
Yung Buda e Rincon Sapiência durante gravação da música Fé no Jogo
Foto: Divulgação/Ubisoft Brasil

Ao lado dele, Yung Buda explica sua identificação com os videogames. Sua música tem como pano de fundo conflitos das gerações millennials e conta com referências da cultura pop, além de ter letras com referências a temas como anime e games: “Da mesma forma que o Rincon sempre esteve ligado aos games, a minha geração também teve um contato muito grande com isso como uma forma de lazer. É um assunto que eu gosto muito e estamos tentando acompanhar essa realidade com o rap”.

“Além de tudo que já falo sobre a cultura pop, os games acrescentaram muito para mim até no lado cultural. Aprendi a falar inglês jogando desde jovem e sempre fui um cara recluso, então eles me ajudaram a socializar dentro da comunidade que vivia. Gostei muito que o Rainbow Six tem personagens clássicos com os quais me identifiquei bastante”, completa o trapper paulistano.

Com duração de pouco mais de três minutos, a música faz referências a grandes personalidades do meio com frases icônicas e utiliza expressões conhecidas por quem joga e acompanha as novidades do universo do R6. A obra conta com o compositor Samuel Ferrari, diretor e produtor musical do estúdio mdois, que trabalhou em filmes como “Mais Forte Que o Mundo: A História de José Aldo”, "Inside Out" e "Historietas Assombradas - O Filme", além de estar envolvido em diversos projetos de outros jogos, como League of Legends e Garena Free Fire.

 

Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade