0

Warner confirma James Gunn como diretor e roteirista do próximo "Esquadrão Suicida"

Mais um capítulo importante nessa novela que se tornou a demissão de James Gunn da Disney. E dessa vez, a coisa ficou um pouco mais séria. Acontece que o diretor foi contratado para dirigir um filme da maior rival da Marvel. Sim, estamos falando da DC Comics. Depois de muitos boatos, a Warner confirmou que o americano irá cuidar do próximo "Esquadrão Suicida".

11 out 2018
18h21
  • separator
  • comentários

Desde que James Gunn foi demitido da Disney por conta de uns tweets de humor beeeem duvidoso, a produção de "Guardiões da Galáxia 3" foi interrompida. Apesar de todo o elenco do filme ter se posicionado contra essa atitude da empresa, nada aconteceu. Bom, o cara ficou todo esse tempo livre e o que aconteceu? A Warner Bros. o contratou. Até aí tudo bem, né? Só que ele não fará qualquer coisa lá dentro, ela fará um filme da DC Comics. Em contato com o site americano Polygon, a Warner confirmou que Gunn será o diretor e roteirista da sequência de "Esquadrão Suicida". E aí, a gente comemora?

De acordo com as informações do Hollywood Reporter, esse novo filme não será uma continuação do primeiro. "Fomos informados que o 'Esquadrão Suicida' de Gunn não será uma sequência, ele terá uma visão totalmente nova sobre o grupo de vilões. Mas se isso significa uma reformulação total ou não, não está claro", informou o site. E, além de James ter a oportunidade de fazer um novo longa, ele também poderá manter alguns atores, como é o caso de Margot Robbie, que interpreta Arlequina.

Através do Twitter, o diretor do primeiro "Esquadrão Suicida", David Ayer, comemorou a contratação e até ofereceu ajuda. "Eu acho que é uma atitude incrivelmente corajosa e inteligente do estúdio. James é o homem certo para o trabalho", escreveu.

Qual o futuro de "Guardiões da Galáxia?"

Apesar dessa ser uma ótima notícia para quem é fã da DC Comics, já que o primeiro "Esquadrão Suicida" não agradou muito, isso coloca a Marvel e o filme "Guardiões da Galáxia 3" em um limbo. As gravações ainda nem começaram e não há previsão de estreia.

PureBreak

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade