3 eventos ao vivo

Noah Centineo falou pela primeira vez sobre o uso de várias drogas que fez ao longo de quatro anos

Quem vê Noah Centineo interpretando vários personagens bem certinhos, talvez não imagine que o ator tenha um passado bem diferente do que se espera. Em recente entrevista à revista Harper's Bazaar, o ator de "Para Todos os Garotos: P.S. Ainda Amo Você" falou sobre o período em que usou muitas drogas e como estava triste nessa época.

13 fev 2020
20h43
  • separator
  • 0
  • comentários

Talvez você não saiba disso, mas faz dois anos que Noah Centineo está sóbrio. Sim, o astro da franquia "Para Todos os Garotos que Já Amei" passou cerca de quatro anos usando todo tipo de droga e falou sobre esse assunto pela primeira vez durante uma entrevista para a Harper's Bazaar. O uso de substâncias começou quando ele tinha apenas 17 anos e durou até um dia antes dele completar 21. Segundo o ator, foi um período complicado porque, na verdade, ele estava bem triste.

"Há um sindicado de, tipo, 500 a 1000 crianças na indústria de entretenimento que estão tentando fazer seu nome [em Hollywood] e que tudo que elas fazem de segunda a segunda é festejar toda noite", revelou Noah. O astro também disse que ele e os amigos adoravam "usar Ecstasy, conversar por cinco horas e chegar ao fundo de algumas questões existenciais e filosóficas realmente profundas". Sobre o que usava, o americano não teve problema em dizer que experimentou de tudo. "Não havia muitas drogas que eu não usasse. Eu nunca injetei nada, o que é ótimo. Eu fumei muitas coisas. Eu estava muito triste. Foi uma época sombria da minha vida", declarou.

Noah também explicou que os seus pais se separaram quando ele tinha apenas 15 anos e depois disso ele foi morar com a mãe em quarto de hotel. Foi um período muito complicado e de muita repressão. "Como um menino de 15 anos vivendo em um lugar tão pequeno com a minha mãe, eu senti a obrigação de preencher uma posição que estava vaga e, fazendo isso, eu reprimi muitas emoções", contou. Apesar dessa fase complicado, o nosso querido Peter Kavinsky contou que hoje está muito bem e consegue trabalhar os sentimentos negativos através de meditação e outras técnicas. Quem bom que ele está se sentindo melhor, né?

PureBreak
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade