0

Viena manterá "semáforos gays" depois de festival

20 mai 2015
11h18
atualizado às 12h05
  • separator
  • 0
  • comentários

Instalados há poucos dias para o Festival Eurovision da Canção, em Viena, semáforos com silhuetas de casais homossexuais e heterossexuais ganharam tanto sucesso que não serão retirados, informou a prefeitura nesta quarta-feira.

As primeiras 2.000 camisas com os mesmos desenhos estampados foram colocadas à venda nesta quarta-feira pelo "preço de custo" de 5 euros, segundo a prefeitura da cidade, que neste sábado recebe a 60º edição do Festival Eurovision da Canção.

Decorados com pictogramas verde e vermelho, que há alguns dias podem ser vistos em cerca de 120 faixas de pedestres na capital austríaca, os semáforos apresentam casais homossexuais, masculinos e femininos, e heterossexuais.

As imagens destes semáforos atípicos, que promovem não apenas a tolerância, mas também a segurança rodoviária, rodaram o mundo.

O custo dos semáforos, 63.000 euros, foi criticado pela oposição de direita local. Mas o prefeito de Viena, Michael Häupl (socialista), ressaltou que "efeito publicitário" do produto vale o investimento.

O eco que causou a iniciativa, tanto na Áustria como no exterior, tem sido tão positivo que as luzes permanecerão nas vias públicas, anunciou a conselheira para os Transportes, Maria Vassilakou (ecologista).

Além disso, ela indicou que está estudando a instalação de novos semáforos e no desenvolvimento de novos desenhos.

Neste sentido, a internet tem experimentado uma explosão de sugestões gráficas para expandir as opções: uma pessoa em uma cadeira de rodas, um par de idosos, uma criança com um balão ou uma mulher passeando com um cão.

Mais de 20.000 pessoas pediram no Facebook a manutenção dos semáforos, concebidos a princípio como um simples homenagem ao Eurovision e uma mensagem de tolerância.

Vinte e sete países vão participar no sábado na final do Eurovision, um programa assistido por 200 milhões de espectadores em todo o mundo.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade