PUBLICIDADE

Cinquentões, álbuns de Chico Buarque e Gilberto Gil ganham edições comemorativas

Construção, de Chico, e Gilberto Gil, de 1971, são relançados por gravadora

3 dez 2021 20h11
ver comentários
Publicidade

A gravadora Universal lança nesta sexta-feira, dia 3, em diferentes formatos, dois importantes discos da música brasileira que completam 50 anos neste ano de 2021.

Um deles é Construção, uma das obras primas de Chico Buarque, gravado após o compositor voltar do seu autoexílio na Itália motivado por perseguições políticas e ideológicas impostas pela ditadura militar. O disco ganha uma edição comemorativa em CD.

Produzido por Roberto Menescal, com direção musical de Magro, do MPB4, e arranjos de Rogério Duprat, o álbum tem 10 faixas - quase todas se tornaram clássicos da música popular brasileira. Duas delas falavam de problemas sociais e da opressão da classe operária brasileira, Deus Lhe Pague e a própria faixa título.

Já o samba Cordão, disfarçada em canção de amor, trazia os versos "ninguém vai me acorrentar/ enquanto eu puder cantar/ enquanto eu puder sorrir". Era um recado direto para a censura federal com direito a conclamação para quem quisesse o acompanhar.

O disco também marcou a aproximação de Chico com Vinicius de Moraes e Toquinho. Com o Poetinha, ele fez Desalento e Valsinha. Com a adesão de Toquinho, nasceu Samba de Orly, que falava da saudade do Rio de Janeiro e pedia "uma notícia boa". De Chico, Vinicius e Tom Jobim, é Olha, Maria, que tem a participação de Tom na gravação.

Outras duas importantes faixas são Cotidiano e Minha História, versão de Chico para a canção italiana Gesubambino, de Dalla e Pallotini.

Gilberto Gil, quarto LP de estúdio do compositor baiano, ganha uma edição limitada em vinil. Gravado durante o exílio de Gil em Londres, ele traz, em sua versão original, 8 canções cantadas em inglês, como a que abre o álbum, Nêga, e uma versão de Volkswagen Blues, que Gil havia lançado em português em seu disco de 1969.

Três faixas são parcerias de Gil com Jorge Mautner: Crazy Pop Rock, Babylon e The Three Mushrooms. O trabalho foi produzido por Ralph Mace e tem uma sonoridade acústica, características dos shows que Gil apresentava por lá.

No ano 2000, em uma edição em CD, foram adicionadas como faixas bônus as canções Can't Find my Way Home, de Steve Winwood, Sgt. Pepper's lonely hearts club band, de John Lennon e Paul McCartney, e l Up from the Skies, de Jimi Hendrix, que não constarão dessa nova versão em vinil, mas estão disponíveis nas plataformas digitais.

Ainda sobre Gil, o álbum Refestança, gravado ao vivo em parceria com Rita Lee em 1977, chega finalmente às plataformas digitais. O disco traz o registro da reunião dos dois grandes nomes da MPB em uma turnê que percorreu o Brasil.

No repertório, além da faixa título, uma parceria deles, músicas como É Proibido Fumar, de Roberto e Erasmo Carlos, que, embora não tenha sido composta para tal motivo, fazia referência à prisão de Rita e Gil por porte de maconha um ano antes do show, e uma versão de Get Back, de Lennon e McCartney, que virou De Leve.

Uma curiosidade: o figurino que Rita aparece na foto da capa ao lado de Gil está na exposição Samsumg Rock Exhibition Rita Lee, em cartaz no MIS, em São Paulo. Costurado pela mãe da cantora, a peça está em excelente estado de conservação.

Estadão
Publicidade
Publicidade