0

Taylor Swift faz doação a grupo de vítimas de abusos sexuais

17 ago 2017
18h12
atualizado às 18h30
  • separator
  • comentários

A estrela do pop Taylor Swift cumpriu sua promessa de apoiar grupos que ajudam vítimas de abusos sexuais após sua vitória nesta semana em um julgamento, no Colorado, por ter sido apalpada indevidamente.

Taylor Swift chega para evento em Beverly Hills
 28/2/2016   REUTERS/Danny Moloshok
Taylor Swift chega para evento em Beverly Hills 28/2/2016 REUTERS/Danny Moloshok
Foto: Reuters

A cantora de "Fearless", de 27 anos, realizou na quarta-feira (16) o que autoridades descreveram como uma doação generosa à Fundação Joyful Heart dos Estados Unidos, cuja missão é educar, apoiar e tomar campanha em questões de violências sexuais.

"A Joyful Heart está honrada em ser reconhecida por Taylor Swift por nosso trabalho em nome e a serviço de sobreviventes de violências domésticas, agressões sexuais e abusos infantis", informou a organização em comunicado.

Taylor recebeu na segunda-feira a quantia simbólica de 1 dólar que havia buscado em danos após um júri federal em Denver decidir que um radialista apertou suas nádegas durante uma sessão de fotos com a cantora em 2013.

A cantora deu um testemunho inabalável ao descrever o incidente, dizendo querer ajudar outras mulheres a terem suas vozes escutadas. Ela disse que iria doar para organizações que ajudam vítimas de abusos sexuais a se defenderem.

A chefe-executiva da Joyful Heart, Maile M. Zambuto, disse ao Huffington Post que a doação de Taylor foi "muito generosa", mas não divulgou a quantia.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • comentários
publicidade