1 evento ao vivo

BBB18: tio de Kaysar esclarece polêmica com jaqueta grifada

Nassib Abage conversou com Purepeople sobre a passagem do sobrinho pelo reality show

11 abr 2018
19h08
atualizado em 12/4/2018 às 09h08
  • separator
  • 0
  • comentários

Um dos favoritos para o prêmio do "BBB18", Kaysar tem gerado especulação sobre o seu passado na Síria desde o começo do programa. Nas redes sociais, internautas questionaram se o sírio era rico e apontaram que o participante usou uma suposta jaqueta da Dolce & Gabbana no confinamento. Em conversa com o Purepeople, Nassib Abage, tio do brother, esclarece que o item não é da grife e lamenta os boatos criados sobre o sobrinho, a quem chama de filho: "As pessoas são muito maldosas. Quando elas sentem que estão perdendo o jogo, apelam e inventam qualquer coisa que seja. Inventam uma jaqueta que ele comprou por R$ 10 mil. Eu que dei. Eu paguei R$ 286. É jaqueta made in China, é falsa, não tem marca".

Tio nega atuação de Kaysar no programa

Nassib garante que o comportamento de Kaysar não é diferente fora do programa e nega os rumores de que ele estaria atuando: "As pessoas acham que ele está interpretando. Ele não fez nenhum curso de artes cênicas ou teatro. O Kaysar é aquilo dentro ou fora da casa. Ele não é diferente em lugar nenhum. Ele é simplesmente a mesma pessoa em qualquer momento da vida". O empresário ainda explica por que o rapaz evita falar do passado e dos problemas enfrentados na Síria: "Ele não gosta de falar do passado dele. Não interessa mais o passado. Ele quer viver o dia de hoje. Para ele, só interessa ser feliz".

Empresário lembra problema do sírio na Ucrânia

Antes de desembarcar no Brasil, Kaysar viveu um tempo na Ucrânia. O empresário conta que o sírio decidiu vir para o país depois de enfrentar problemas por conta da religião: "Ele estava passando pelas ruas da Ucrânia, onde estava no terceiro ano da faculdade, com o crucifixo para a fora e tentaram matá-lo por ser cristão. Ele passou seis meses dentro do hospital e fez cinco cirurgias. Quebraram a perna em cinco lugares e o braço esquerdo em três. Ele foi salvo pelos vizinhos e escreveu para o meu irmão mais velho, que era cônsul da Síria, pedindo uma carta para a embaixada do Brasil na Ucrânia dizendo que a gente ia se responsabilizar por ele. O meu irmão mandou, ele veio e eu o adotei como filho. Pus na escola de português, de hotelaria, de culinária".

Parente conta por que não trouxe familiares para o país

Caso seja o campeão, Kaysar prometeu usar o dinheiro para trazer os pais para o Brasil. Hoje eles estão em Aleppo. Nassib conta que é questionado sobre o motivo de não ter trazido os parentes para o país e explica: "Me perguntaram se eu não tinha condições de buscar os pais dele na Síria. Eu não quero mandar buscá-los apenas. Quero que eles tenham segurança porque não tenho condições de sustentá-los aqui. Nós não temos empregos para os nossos brasileiros quem dirá para estrangeiros. Ele tem que ter uma reserva de dinheiro para poder sustentar os pais e orientá-los por aqui".

Nassib torce por romance de brother e Jéssica

Kaysar e Jéssica se aproximaram bastante no confinamento. A última eliminada admitiu que a relação foi de "carência". Porém, Nassib torce para que os dois fiquem juntos fora do programa: "Eu conheço muito bem esse filho adotivo e ele tem um sentimento diferente pela Jéssica. Eu não posso me intrometer. Mas eu disse para a Jéssica que vou rezar para Deus para que eles se aproximem e, quiçá, tenham uma relação linda. Vai ser o sonho da minha vida. Ela é a mulher que eu gostaria que o Kaysar tivesse". Para finalizar, o empresário enche o sobrinho de elogios: "O Kaysar é uma pessoa que não existe. Ele é completamento fora de época, fora de tempo, é o filho que todo mundo gostaria de ter. Para mim, hoje o Kaysar é um exemplo de pessoa, de vida. Sabe qual o maior defeito do Kaysar? É ser limpo demais, de alma e de coração".

PurePeople
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade