0

Plissados e drapeados: os efeitos que vão deixar seus looks mais interessantes

Os efeitos que vão "enrugar" os seus looks de verão vêm, desta vez, dos anos 80. A saia plissada, peça atemporal no universo fashion, está em alta há algumas temporadas e deve permanecer. Para esta estação, no entanto, o efeito aparece também em vestidos criando volumes estratégicos em looks mais ousados. Já o drapeado é o recurso perfeito para a realçar a silhueta. Descubra como usar!

5 out 2018
16h39
atualizado às 16h44
  • separator
  • 0
  • comentários

Há algumas temporadas a saia plissada foi alçada ao status de objeto de desejo e começou a aparecer em diversas versões. Quem não se lembra da onipresente saia mídi metalizada que invadiu os looks de street style e os outfits das famosas há algumas temporadas. Pois o modelo não só permanece em alta como vem ganhando companhias fashion. O efeito "enrugado" aparece, agora, em vestidos, como os de pegada anos 80 que vêm aparecendo na passarela, camisas e qualquer outra peça que permita a aplicação de um tantinho de tecido a mais.

Anos 80 de volta

A gente já disse por aqui que os anos 80 estão de volta com tudo à moda, como no desfile da Yves Saint Laurent. Um dos efeitos mais usados naquela época era o drapeado. O tecido "enrugadinho" em locais estratégicos serve tanto para criar volumes localizados para "construir" a peça, quanto para marcar a silhueta em seus pontos fortes. A designer Isabel Marant, por exemplo, usa o efeito desde sempre para trazer sensualidade e informação de moda às suas peças. O "repuxado" faz com que o vestido fique mais justinho, a saia mais curta e as jaquetas e camisas mais interessantes.

Esculturas de vestir

Quem também abusou das pregas para atingir um resultado parecido foi a Balmain. A grife criou verdadeiras esculturas de vestir ao aplicar tecidos drapeados em estilo "leque" nos vestidos curtíssimos (ou até um mullet dress) que estão em alta nesta temporada. O arremate fica por conta do cinto superlargo - em estilo espartilho - marcando a cintura e devolvendo a feminilidade da forma minuciosamente esculpida. Já a Valentino investiu no recurso de uma forma mais minimalista, criando peças com acabamento e modelagens impecáveis, porém muito mais simples de usar.

Para usar no dia a dia

No dia a dia esses efeitos devem ser usados com parcimônia. É claro que a saia plissada está mais do que liberada (estimulamos fortemente o investimento em uma peça assim, já que ela nunca sai de moda). Além de ser atemporal, ela combina com tudo e rende looks para quase todas as ocasiões. Para aposta certeira o legal é optar por uma peça de boa qualidade e caimento impecável, já que ninguém quer que as pregas se desfaçam ou que sejam criados volumes indesejados no corpo. Já os vestidos com pegada oitentista são mais perigosos e exigem certa análise estética, já que acrescentam volume. Equilibre a silhueta usando o efeito plissado sobre a parte do corpo que for mais "fina". Com esse truque não tem como um look assim ficar feio!

(por Deborah Couto)

PurePeople
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade