0

Marquezine é chamada de "racista" e se defende

Bruna Marquezine recebeu uma enxurrada de críticas no Twitter ao declarar torcida para Flayslane sair no Paredão que acontece na próxima terça-feira (7), no 'BBB20'. A atriz apagou a publicação, mas internautas a usaram para chamá-la de 'racista'. A amiga de Manu Gavassi se defendeu: 'Pelo menos eu sigo disposta a escutar, aprender e evoluir, sabendo que eu não sei nada mesmo sobre a vida'

6 abr 2020
09h20
atualizado às 10h30
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Bruna Marquezine declarou torcida para Marcela continuar no "Big Brother Brasil 20", mas logo voltou atrás em seu posicionamento depois de receber uma enxurrada de críticas nas redes sociais na madrugada desta segunda-feira (06). Após eliminação relâmpago de Gabi Martins, Tiago Leifert anunciou nova Prova do Líder e formação do Paredão. Em uma reviravolta, Thelma conquistou o tão sonhado posto pela segunda vez e revidou a indicação de Flayslane. Em seguida, a casa foi dividida em dois grupos, não podendo votar entre si. Marcela e Babu foram os mais votados e vão disputar a berlinda com a cantora.

Bruna Marquezine filmou alguns micos andando pelo muro de sua casa neste domingo, 5 de abril de 2020
Bruna Marquezine filmou alguns micos andando pelo muro de sua casa neste domingo, 5 de abril de 2020
Foto: AGNews / PurePeople
Bruna Marquezine se defende ao ser chamada de 'racista'
Bruna Marquezine se defende ao ser chamada de 'racista'
Foto: Twitter / PurePeople

Em seu perfil do Twitter, Bruna Marquezine disse: "Só consigo pensar na Flayslane voltando desse Paredão mais insuportável do que voltou do último. Prefiro ela fora". Entretanto, muitos dos telespectadores acusam a participante Marcela de falas racistas contra Babu durante sua trajetória no "BBB20" e isso teria feito os internautas a relembrarem o post antirracista que a atriz fez no Instagram logo após a polêmica envolvendo o empresário Rodrigo Branco, que criticou o desempenho de Maju Coutinho no "Jornal Hoje" e a sister Thelma.

Bruna Marquezine se defendeu ao ser chamada de racista por um seguidor. "Estava toda preocupada com o Babu, mas agora falou que prefere a Flay fora do que a Marcela. Vem ser racista fora junto com a gente, Bruna", disparou a pessoa. A famosa rebateu: "Menina... que perseguição comigo. Eu não quero nem Marcela e nem Flay lá dentro. Calma". "Cansei dessa militância seletiva. Descansa, deixa a menina torcer para quem ela quiser. Coisa chata!", se posicionou um fã. "Ela pode torcer, mas se usou o Babu agora vai ter que defender ele, sim!", retrucou a pessoa. "Usei o Babu? 'Oxi'! Gostar e torcer por alguém é usar, é?! Credo", completou Bruna. Torcedora assumida de Manu Gavassi, a artista já havia anunciado que o brother era um dos seus favoritos no "BBB20".

Bruna Marquezine, convidada por Felipe Prior para ir à Disney, também foi chamada de incoerente e novamente se posicionou: "Todo ser humano é hipócrita. Todo! Imparcialidade é uma grande ilusão. Ninguém é 100% desconstruído e coerente. Pelo menos eu sigo disposta a escutar, aprender e evoluir, sabendo que eu não sei nada mesmo sobre a vida".

Bruna questiona racismo de Marcela e Ivy no 'BBB20'

Em meio a diversos ataques no Twitter, Bruna Marquezine admitiu que não sabia das acusações de racismo contra Marcela e Ivy no "Big Brother Brasil". "Você tem as falas e atitudes racistas da Marcela? Juro que não estou sendo irônica. Eu fiquei sem assistir umas duas semanas e aí acompanhada pelo Twitter momentos da Manu e sinto que eu perdi algumas coisas importantes pela forma inflamada que estão cobrando meu posicionamento", disse. Uma pessoa fez um relatório completo e enviou a ela. Acompanhe!

Veja também:

Maiara filma Fernando cozinhando de cueca e se derrete: 'Coisa linda dessa'
PurePeople
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade