0

Vídeo: Marina Ruy Barbosa admite dificuldade em ser atriz

15 mai 2018
14h59
atualizado às 15h26
  • separator
  • comentários

Marina Ruy Barbosa tem um ritmo intenso de trabalho! Dona da própria linha de roupas e garota-propaganda de uma marca de automóveis, a atriz ainda está no ar como a Amália da novela "Deus Salve o Rei". Em seu Instagram, nesta terça-feira (15), a ruiva compartilhou com os seguidores que tinha muitas cenas do folhetim para gravar: "a pessoa vai ter que contar com a paciência do diretor porque tem 18 cenas no dia". "Será que é pouco texto? Será que eu falo pouco hoje? Será que tem que decorar pouco? Pouco texto, né? Pouca coisa para estudar", completou a artista, mostrando diversas páginas de texto em seu Stories.

Apesar da diversão nos bastidores, a ruiva assumiu que a carga de trabalho é bastante pesada: "enquanto eles terminam de montar o cenário, eu vou falar. Por isso que eu defendo tanto fazer novela e atores que fazem muita novela. É difícil para caramba. A gente grava muito. A gente grava praticamente de segunda a sábado. Umas 13h por dia e durante, mais ou menos, sete meses. É muita coisa".

Na novela das 19h, Marina protagonizou uma cena de assédio com Ricardo Pereira. Em suas redes sociais, a ruiva fez um alerta a respeito do assunto: "para um ator, ter a chance de realizar uma cena dessas é uma oportunidade única. Mas essa cena vai além. Toca num assunto tão atual (apesar de ser uma novela de época), infelizmente tão presente na vida de nós mulheres. Ela nos faz lembrar a razão pela qual lutamos pelos nossos direitos, pela liberdade, pelo respeito. Sou atriz. O meu ofício é fazer arte. E a arte entretém, claro, mas também alerta, desperta no outro um olhar diferente sobre determinada situação. Sejamos fortes. A luta deve continuar hoje e sempre! Por todas as Amálias, Amélias, Marias da Penha... Por todas as mulheres vítimas... De abusos físicos ou psicológicos. Para que o silêncio vire grito e o medo vire coragem! Não é não! Não nos silenciemos!".

 

PurePeople

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade