1 evento ao vivo

Maraisa comemora 'Medo Bobo' em trilha sonora de 'Amor de Mãe': 'Que alegria'

Maraisa compartilhou cena romântica de Betina e Magno, papéis de Isis Valverde e Juliano Cazarré, trocando beijos em cena da novela 'Amor de Mãe', atual trama das 21h da TV Globo. O momento dos dois foi embalado por 'Medo Bobo', lançado em 2016 pelas sertanejas. 'Depois de anos de lançamento, nossa moda ainda é presente e viva nos corações de tantos casais apaixonados', vibrou

30 nov 2019
17h09
  • separator
  • 0
  • comentários

A novela "Amor de Mãe" conquistou os telespectadores não só ao contar as histórias de três mães guerreiras, mas também pela trilha sonora recheada de sentimento. A música "É", de Gonzaguinha, fica responsável por compor a abertura da trama, enquanto a banda Los Hermanos aparece no folhetim nos momentos de maior "sofrência" com "Sentimental". Apresentadores do "Só Toca Top" e uma das duplas de maiores sucessos do Brasil, Maiara e Maraisa tiveram o hit "Medo Bobo" colocado como tema do casal Magno e Betina, personagens de Juliano Cazarré e Isis Valverde.

Maraisa comemora música em trilha sonora. Veja!

Em seu perfil do Twitter, Maraisa repercutiu a cena em que Magno aparece se declarando para Betina e a enfermeira acaba cedendo ao amado um beijo na trama que relata diversas relações conflituosas. "Que alegria ver a nossa 'Medo Bobo' sendo trilha sonora de Magno de Betina na nova novela da Rede Globo, 'Amor de Mãe'. Como é bom saber que, mesmo depois de anos de lançamento, nossa moda ainda é presente e viva nos corações de tantos casais apaixonados", comemorou a sertaneja. Mãe do pequeno Rael, que acaba de completar 1 ano, Isis Valverde aparece nas imagens com visual repaginado e ruivo para sua volta à TV após maternidade.

Isis Valverde comenta par romântico: 'Amor quase improvável'

Na história escrita por Manuela Dias, Isis Valverde interpreta a enfermeira Betina, uma mulher que sobrevive aos abusos e agressões do ex-marido Vicente (Rodrigo Garcia) e acaba se apaixonando por Magno (Juliano Cazarré), que o conhece como um acompanhante de uma paciente no hospital onde trabalha. "Tem um sentimento entre eles, porque tem anos que se conhecem, mas existe um respeito de trabalho. Ela ama o trabalho dela e sabe dividir. É um amor quase que improvável, mas difícil de reagir contra o sentimento porque é muito grande. Eles são quase que almas gêmeas. São duas pessoas que sofrem e se apoiam muito", disse ela. Em entrevista ao "Mais Você", a mineira contou ainda que ficou meses em contato diário com enfermeiras para aprender mais sobre a profissão: "Me vestia toda, colocava a máscara. Ninguém me reconhecia. Era maravilhoso porque elas têm um lugar de fala, elas têm um tom com o paciente. Presenciei várias coisas, é muito intenso".

(Por Rahabe Barros)

PurePeople
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade