0

Maiara mantém preocupação com corpo: 'Focada em saúde'

A cantora chegou ao manequim 38 um ano após cirurgia bariátrica

15 dez 2018
15h36
atualizado às 16h37
  • separator
  • comentários

Um ano após realizar cirurgia bariátrica, Maiara chegou ao manequim 38 e pesa 65 kg. A sertaneja, porém, não dispensa a preocupação com o corpo. "Estou fazendo vários exames, focada em ter saúde. Acho importante parar e fazer um check up, cuidar de mim", afirmou ao jornal "Extra".

Segundo a irmã de Maraisa, o afastamento de Simaria dos palcos devido a uma tuberculose ganglionar gerou um alerta: "Acho que serviu para a gente pensar no que importa. A carreira é muito importante, mas se cuidar antes de tudo é mais".

Maiara disse que não entra nem em aplicativos de paquera: 'O cara vai ver minha foto e não vai acreditar que sou eu'
Maiara disse que não entra nem em aplicativos de paquera: 'O cara vai ver minha foto e não vai acreditar que sou eu'
Foto: AGNews / PurePeople

Cantora planeja continuar solteira: 'Não tenho muita sorte'

Maiara, sem planos de casamento, disse que não pensa em deixar de ser solteira: "Quero permanecer assim, sabe? Não tenho muita sorte no amor, não". A cantora contou que prefere nem entrar em aplicativos de relacionamento.

"Não daria pra mim. O cara vai ver minha foto e não vai acreditar que sou eu. E se acreditar, nunca vou saber se quer a cantora ou eu mesma. Mas já vi que funciona para conhecer pessoas. Não sei se são bons para um namoro sério".

Sertaneja assume traição no passado: 'Não me orgulho'

Recentemente, a dupla lançou a música "Traí Sim", parceria com Zé Neto e Cristiano, e Maiara admitiu que já foi infiel no passado.

"Já traí, não me orgulho. Mulher não trai, né, se vinga. E não é bom. Mas, por outro lado, tem aquela mulher que aceita tudo, o marido às vezes até com outra família, e quando ela decide trair eu acho é pouco".

Artista se preocupa em falar de feminismo: 'Uma questão ainda'

Maiara e Maiara enfrentaram machismo no passado e são representantes do feminejo. Porém, Maiara entregou que se preocupa ao falar sobre feminismo.

"É uma questão ainda, temos que aprender muita coisa com os homens, inclusive, e eles com a gente. Tenho receio, por exemplo, de ter uma filha e ela já ter que nascer sendo uma guerreira. Independente, reativa a um galanteio ou um elogio. Temos que pensar também até onde essa luta para que nós mulheres sejamos independentes e empoderadas não está favorecendo e até enriquecendo alguns homens. Vivemos num mundo capitalista ainda liderado por eles".

Veja também:

PurePeople

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade