0

Kate Middleton e a moda sustentável: duquesa usa marcas engajadas e aponta trend

Moda é mais do que a combinação de peças e tendências! Com as roupas, é possível transmitir modos de consumo e também de pensamento. Consciente de sua força como referência no mundo fashion, Kate Middleton vem destacando marcas que são social e ambientalmente engajadas em suas produções. Confira mais detalhes na matéria a seguir:

13 jul 2020
21h15
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Kate Middleton está cada dia mais entusiasta da moda sustentável! Sem medo de repetir peças em produções, a duquesa de Cambridge investe em um 'eco-closet', isto é, inclui em seus looks não só roupas já usadas como marcas que sejam engajadas social e ambientalmente. Suas aparições mais recentes, especialmente as que aconteceram após o fim da quarentena, comprovam isso e apontam uma tendência na moda em um momento como o atual: consumidores e empresas mais comprometidos com valores e com natureza.

Marca destina parte do lucro a jovens indianas

A inglesa usou um vestido azul com gola branca Beulah London durante uma visita ao Hospital Queen Elizabeth, em Norfolk - cidade onde está localizada a casa de campo onde ela, Príncipe William e os três filhos do casal, George, Charlotte e Louis, passam a quarentena. A label, fundada por Natasha Rufus Isaacs e Lavinia Brennan em 2010, doa parte de seus lucros para instituições que cuidam de jovens vítimas de tráfico sexual na Índia. Para uma interação virtual em maio nas rádios britânicas, ela também surgiu com um modelito da marca (confira na galeria acima).

Vestido floral é de grife que valoriza manufatura

Outra peça usada há pouco tempo pela duquesa que demonstra essa preocupação é o vestido midi floral Faithfull The Brand, com o qual ela visitou o East Anglia's Children's Hospice em junho. A marca de roupas femininas foi fundada pela australiana Sarah-Jane Abrahams e pela norueguesa Helle Them-Enger em 2012 após uma viagem para a Indonésia. Elas escolheram o país como base da empresa e, além de empregar mão de obra local, valorizam a manufatura. Cada peça é feita à mão, costurada e pintada por artesãos do país.

Stylist avalia escolhas da inglesa

Ao jornal britânico "Daily Mail", a stylist britânica Susie Hasler, especialista nas produções da família real, opinou sobre as novas escolhas de Kate e destacou a importância delas pelo fato de Kate ser uma trendsetter. "Como sabemos, quando Kate usa um estilo ou uma marca, é instantaneamente procurada - ela pode usar seu 'poder de compra' para influenciar potencialmente milhões de mulheres em todo o mundo. Vê-la usando marcas com fortes valores éticos é muito poderosa - e é algo que estamos vendo mais na indústria", afirmou.

Passado fashion real é apontado por especialista

A stylist ainda levantou uma questão relacionada a um antigo hábito real nas produções - abolido pela Rainha Elizabeth II em novembro do ano passado. "Considerando que a família real foi criticada no passado por usar roupas com peles de verdade, etc, parece que Kate está fazendo escolhas mais cuidadosas sobre suas roupas e onde elas são de origem ética", apontou Susie.

(Por Marilise Gomes)

Veja também:

A Barraca do Beijo 2: Como foram as filmagens?
PurePeople
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade